Guest Post »

‘A representação importa’, diz diretora de ‘Hair Love’, Oscar de Curta de Animação

“Queremos ter mais representatividade na animação”, disse a cineasta Karen Rupert Toliver.

No Huffpost

Os cineastas Karen Rupert Toliver e Matthew A. Cherry recebem o Oscar de Melhor Cuta Animação. (Foto: MARIO ANZUONI / REUTERS)

“A representação importa profundamente. Queremos ter mais representatividade na animação. Precisamos normalizar o cabelo negro”, disse a diretora Karen Rupert Toliver ao conquistar o Oscar de Melhor Curta de animação na noite deste domingo (9), com Hair Love.

A animação, que dirigiu junto com Matthew A. Cherry, conta a história de um pai que teve de pentear sua filha pela primeira vez, pois sua esposa está tratando de um câncer em um hospital.

Veja o curta aqui:

Além de dedicar o prêmio a estrela da NBA, Kobe Bryant, que morreu em um acidente de helicóptero em janeiro, Cherry celebrou o jovem DeAndre Arnold, que estava presente na cerimônia.

DeAndre é um estudante negro do ensino médio do Texas que foi suspenso porque usava dread. Ele foi informado que seu cabelo violava o manual do aluno, que dizia que “o cabelo dos estudantes do sexo masculino não deveria ser muito comprido”.

Related posts