quinta-feira, dezembro 1, 2022
HomeÁfrica e sua diásporaEntretenimentoAfroempreendedores criam peças exclusivas com o mínimo de impacto ambiental no Encontro...

Afroempreendedores criam peças exclusivas com o mínimo de impacto ambiental no Encontro Preto

Esse Dia das Mães contará com com consumo diferenciado. Além de levar um belo presente para a sua matriarca, você pode ajudar pequenos afroempreendedores que todo primeiro sábado do mês, promovem o “Encontro Preto”, que nasceu em  2015 e desde então já passaram mais de 100 mercadores pretos expondo seus produtos e fazendo circular o “black money”.  É possível encontrar produtos em pequena escala e até mesmo exclusivos, em sua maioria de matérias-primas de mínimo impacto ambiental. 

ENCONTRO PRETO

Fruto de uma conversa entre Cíntia e Emanuel Pereira do Tendência Black, Chad Yohaness do O alquimista do Chad e Angélica Santos do Mundo Quixotesca, o Encontro Preto nasceu da necessidade de um espaço para empreendedores pretos que fosse cobrado um valor justo, para viabilizar a autonomia desses mercadores através do empreendedorismo preto. 

Em seis anos de encontro, já passaram mais de 100 mercadores pretos, “A ideia é seguir trabalhando para garantir o equilíbrio e a harmonia social, política e cultural para o nosso povo preto!” conta Nathália Costa, produtora do Encontro Preto. 

DIA DAS MÃES
O Encontro Preto deste mês acontece neste sábado, 07 de maio, no Centro do Teatro do Oprimido nas Artes, das 10 às 20 horas. Antecedendo a data comemorativa das mães, é uma ótima oportunidade para garantir um presente único, exclusivo e cheio de personalidade.  

Estarão presentes nesta edição os afroempreendedores:
Moda: 

  • Makebas Brechó 
  • Tendência Black
  • De Benguela
  • Coiá
  • Sabaly Moda Africana 
  • Modash 
  • Atelier Camila Loren 
  • Histeria 
  • Nega Atrevida
  • Estampa Brasil e Afromarket

Acessórios: 

  • Carolina Brand
  • Clichê Acessórios 
  • Mundo Quixotesca 
  • Turbantes da Lu
  • Boutique Nalas

Infantil:

  • Akoko Educação
  • Obadelê

Cosmética Natural :

  • O Alquimista de Chad
  • Aziza Ancestralidade

Livraria Ayo

Artes e decoração: 

  • Alma Retinta 
  • Eu África 
  • Vestindo Planta 
  • Philipe Kaoká

Cabelo:

  • Mayara Marques 

Gastronomia:

  • Cozinha Nigeriana Latifa 
  • Acarajé da Nany
  • JH Pipocas Gourmet

O evento ainda contará com Festival de Sorvete e Suco artesanal do Chad; Oficina de Bordado “O fazer com as mãos é ancestral” com Camila Loren;  e Trava na Pose com Fotógrafo Jason fazendo fotos das mães com os filhos que depois serão disponibilizadas no nosso Facebook e Instagram.

ONDE TUDO COMEÇOU

Em outubro de 2015, aconteceu o primeiro encontro no Instituto Palmares dos Direitos Humanos (IPDH) na Lapa, RJ. O foi escolhido local intencionalmente por ter sido fundado em 1989 por um grupo de negros que buscavam criar um canal de afirmação de identidade e cultura negra. Durante 30 anos, o IPDH desenvolveu projetos de educação e cultura, promoveu seminários, simpósios e encontros de temas relacionados à etnia, igualdade racial e direitos humanos. 

O instituto ficou fechado por alguns anos após um incêndio em 2010, que danificou o telhado e parte da rede elétrica e hidráulica. A reabertura foi com o Encontro Preto, onde toda a verba arrecadada das taxas da feira era destinada para a revitalização do IPDH. Em janeiro de 2019, o espaço passou por uma reintegração de posse pela Secretaria de Cultura do Estado do RJ, sem resolução até o momento, sendo certamente  um ataque à comunidade negra. 

SERVIÇO 

Encontro Preto, será realizado no próximo sábado 07 de maio das 10 às 20 horas no Centro Teatro do Oprimido nas Artes (Av. Mem de Sá, 31 Lapa – RJ).

Artigos Relacionados
-+=
PortugueseEnglishSpanishGermanFrench