Agentes da ONU no Haiti promovem prostituição infantil

Crimes são cometidos pelos capacetes-azuis e estavam sob sigilo

Do Jornal do Brasil 

Um relatório secreto da Organização das Nações Unidas (ONU) denunciou o envolvimento de agentes da força de manutenção de paz, os famosos “capacetes-azuis”, em esquemas de prostituição de menores no Haiti.

Segundo o relatório, obtido com exclusividade pela agência de notícias AP, 134 capacetes-azuis do Sri Lanka estariam no esquema de prostituição. Eles são acusados de praticarem sexo com crianças, algumas com 12 anos de idade.

O documento cita uma entrevista com uma adolescente descrita como “V01”, ou seja, “vítima número 1”, que está na faixa etária de 12 a 15 anos, e a qual relatou ter feito sexo com cerca de 50 capacetes-azuis, inclusive um comandante da equipe que lhe pagou 75 centavos pela relação.

A ONU estima que mais de dois mil casos de abusos sexuais tenham ocorrido nos últimos 12 anos envolvendo funcionários das Nações Unidas em todo o mundo. Até o momento, nenhum agente da ONU no Haiti foi preso, apesar das provas e evidências do caso.

+ sobre o tema

Feministas indicam desafios para avanço das políticas para as mulheres

Em reunião com a ministra da Secretaria de Políticas...

Graciliana Selestino Wakanã: ‘O que a gente quer é viver bem’

Graciliana Selestino Wakanã, do povo Xucuru Kariri, fala sobre...

Vozes femininas disputam espaço na Rio+20

"Se alguém acha que somos invisíveis, está na hora...

Agressor de mulher terá que pagar gastos do INSS

Medida começará por Espírito Santo e Brasília, mas deve...

para lembrar

Homens e mulheres concordam: o preconceito de gênero interfere no salário

De 13 perguntas da pesquisa Mitos & Verdades, feita...

Mulher Negra Brasileira Um Retrato – Rebecca Reichmann

A opinião publica brasileira raramente reconhece ou critica os...

Diálogos Feministas: Análise de conjuntura e desafios para a defesa da democracia

Esta publicação traz uma síntese do debate realizado: uma...

Thorning-Schmidt é nomeada primeira-ministra da Dinamarca

A líder dos social-democratas dinamarqueses, Helle Thorning-Schmidt, foi oficialmente...
spot_imgspot_img

13 leis sobre proteção à mulher que precisam ser efetivadas em 2024

Se é verdade que, no Brasil, o novo ano só começa depois do Carnaval, ainda é tempo de realizar uma retrospectiva, para divulgar leis...

Lei Maria da Penha completa 17 anos

A Lei Maria da Penha completa nesta segunda-feira (7) 17 anos e, nesse período, tem contribuído para muitas mulheres romperem com o ciclo de...

Campanha usa frases e exemplos para ajudar mulheres a identificar se são vítimas de violência

Com o aumento da violência contra mulheres no Brasil, começou nesta segunda-feira (7) uma campanha do governo federal de orientação sobre situações que vitimizam...
-+=