Alckmin cria sistema de pontuação diferenciada para negro em concurso

Medida vale também para pardos e indígenas, segundo governo.
Governador diz que pontuação diferenciada estimula a meritocracia.

Por Letícia Macedo Do G1

O govenador de São Paulo, Geraldo Alckmin (PSDB), sancionou nesta quinta-feira (15) o sistema de pontuação diferenciada para negros, pardos e indígenas em concursos do governo do estado no executivo, legislativo e judiciário. A regulamentação feita pela Secretaria da Justiça deve acontecer em 90 dias. A nova regra será aplicada já nos próximos processos seletivos.

No município de São Paulo, em dezembro de 2013, o prefeito de São Paulo, Fernando Haddad (PT), sancionou o projeto de lei que cria cotas para a comunidade negra no serviço público municipal. Diferentemente do programa municipal, o projeto estadual optou por estabelecer um percentual diferenciado, e não cotas, a fim de garantir, no entender do governador, a meritocracia.

“Tem que fazer prova, tem que ter nota mínima, tem que ter mérito, mas a pontuação acrescida ajuda mais, melhora as oportunidades de acesso e a inclusão para pretos pardos e indígenas. A cota não estabelece mérito, ou seja, você tem um percentual fixo”, afirmou.

O sistema deve ser semelhante ao do utilizado pelo Instituto Paula Souza nas Etecs e Fatecs.  “Tem que ter prova, tem que ter mérito, mas você acrescenta uma pontuação de maneira que você estimula mais oportunidades de acesso aos concursos públicos e também igualdade”, declarou. A nova regra deve passar a valer nos próximos concursos, como nas áreas de Educação, Segurança Pública e Saúde. “Nós vamos ter 10 hospitais a mais”, afirmou.

+ sobre o tema

STF volta a proibir a apreensão de menores sem o devido flagrante nas praias do Rio

Após audiência realizada na manhã desta quarta-feira, em Brasília, o STF determinou...

Adolescente denuncia mulher por agressão e injúria racial em Rio Preto

Um adolescente de 13 anos denunciou ter sofrido injúria...

para lembrar

Contardo Calligaris: Raças e cotas

por: CONTARDO CALLIGARIS As cotas só afirmam as diferenças com...

Eleições: Está na hora de oxigenar instituições e fazer valer grito das ruas

Por: Mônica Francisco Na próxima semana começa a propaganda eleitoral....

UnB realiza concurso para professor com cota para negros

Pela primeira vez, a Universidade de Brasília abre concurso...
spot_imgspot_img

Não entraria em avião pilotado por cotista?

"Responda com sinceridade, leitor. Você entraria confortavelmente num avião conduzido por alguém que, pelo fato de pertencer à minoria desfavorecida, recebeu um empurrãozinho na...

“Enem dos Concursos” reserva 20% das vagas para negros

O governo federal reservou 20% das 6,6 mil vagas do Concurso Nacional Unificado para candidatos negros. A totalidade das vagas está dividida entre nível...

Somente 7 estados e o DF têm cotas para negros em concursos públicos. Veja quais

Adotadas no Executivo federal, as cotas raciais nos concursos para entrada no serviço público avançam em ritmo bem lento nos outros níveis de governo,...
-+=