Além do espelho

Sinopse
“Nós temos uma poderosa arma, que é a memória, uma possibilidade de salvação não somente para nós, mas para o mundo.” Com essa percepção, o aclamado cineasta etíope Haile Gerima aponta os desafios impostos pelo racismo e as possibilidades de sua superação em ALÉM DO ESPELHO, documentário de estreia da diretora brasileira Ana Flauzina.

No Brado Negro 

A obra promove o encontro das vozes de duas das mais importantes referências da resistência negra contemporânea: Edson Cardoso e Haile Gerima.

O jornalista Edson Cardoso dedicou sua vida à militância negra. Dentre as mais importantes contribuições deste controverso intelectual está a edição do Jornal Irohin (“notícia”, em Yorubá) publicado entre 1995-2000 e 2003-2009. O veículo cumpriu importante papel mobilizador da questão racial, pautando o racismo a partir de um ponto de vista primordialmente negro. Outra das realizações significativas de Cardoso foi sua liderança em duas grandes mobilizações políticas contra o racismo: as marchas “Zumbi” e “Zumbi + 10”, que aconteceram, respectivamente, em 1995 e 2005, e mobilizaram mais de três milhões de pessoas na capital do Brasil. Entre as demandas centrais da marchas estavam o fim do exetermínio da juventude negra e da intolerância religiosa.

frame_030

Haile Gerima, importante cineasta etíope, radicado nos Estados Unidos desde a década de 60, contribuiu para a formulação de uma estética independente de cinema negro no cenário norte-americano. Como um dos principais membros do movimento cinematográfico L.A. REBELLION, também conhecido como Los Angeles School of Black Filmmakers, o cineasta tem em sua internacionalmente reconhecida filmografia, obras de grande relevância para o enfrentamento do racismo. Seu mais aclamado filme, “Sankofa”, de 1993, apresenta a saga de africanos escravizados – um absoluto sucesso de público e crítica. Seu mais recente trabalho,“Teza”, um dos filmes africanos mais vistos da história do cinema, lançado em 2009, explora os dilemas de um intelectual negro diante dos conflitos raciais na Etiópia e na Alemanha. Gerima é ainda professor da Faculdade de Cinema da tradicional Howard University em Washington D.C.

2442015_0585

O encontro dessas duas referências, suas ricas histórias de vida e seus comentários sobre o racismo e a resistência negra são a base da marcante narrativa construída por Ana Flauzina em ALÉM DO ESPELHO.

Ficha técnica
Direção ANA FLAUZINA
Entrevistados EDSON CARDOSO and HAILE GERIMA
Edição MATTHEW GOSSAGE, HUGO PACHIELLA e ANA FLAUZINA
Produção SARAH IHMOUND e ANA FLAUZINA
Câmera GEZAW TESFAYE, GUTO MARTINS e KRYSTIAN RAMLOGAN
Diretor de Fotografia GUTO MARTINS
Pesquisa de Imagens RAQUEL LISBOA e VIVIANE SANTIAGO
Créditos de Abertura MARCOS PINTO e TORI FINLAYSON
Trilha Sonora CORY LAFEVERS
Mixagem e Masterização DIEGO MARX
Cor ADRIANO BATISTA, KRYSTIAN RAMLOGAN e MARCOS PINTO

+ sobre o tema

Libertar-se do papel de macho-idiota ou ser vetor do sofrimento alheio?

Faz tempo que não sentia tanta vergonha alheia como...

‘Perdemos cada vez mais meninas e jovens’, diz pesquisadora

Jackeline Romio participou da Nairóbi Summit e aponta os...

Sou ateia, mas rezei: Uma história de violência sexual e direito ao aborto

Homens que possuem espaço na mídia foram instigados a...

Por um feminismo de baderna, ira e alarde

Neste 8M, ocuparemos politicamente as ruas e as nossas...

para lembrar

27 ideias de tatuagens feministas

Que tal eternizar na pele seus ideais de luta...

Vereadores de SP aprovam lei que permite presença de doulas em hospitais e maternidades da cidade

Vereadores de São Paulo aprovaram na última quarta-feira (7)...

Ato na USP cobra ação de diretor sobre ‘ranking sexual’ em Piracicaba

Grupo se reuniu em frente à diretoria da universidade...
spot_imgspot_img

Brizola e os avanços que o Brasil jogou fora

A efeméride das seis décadas do golpe que impôs a ditadura militar ao Brasil, em 1964, atesta o apagamento histórico de vários personagens essenciais...

O atraso do atraso

A semana apenas começava, quando a boa-nova vinda do outro lado do Atlântico se espalhou. A França, em votação maiúscula no Parlamento (780 votos em...

Documentário aborda o apagamento da negritude de Chiquinha Gonzaga

A trajetória de Chiquinha Gonzaga (1847-1935) é analisada sob novo viés em documentário que estreia nesta segunda (5/2), no canal Curta!. Dirigido por Juliana...
-+=