Altaneira promoverá ato público contra a Redução da Maioridade Penal, a PEC da Vergonha

O município de Altaneira, na região do cariri, estado do Ceará, estará promovendo no dia 07(sete) de setembro do ano em curso um ato público contra a Redução da maioridade Penal.

por José Nicolau da Siva Neto via Guest Post para o Portal Geledés

Segundo o idealizador do movimento, o professor Nicolau Neto*, a ideia é percorrer as principais ruas com destino ao calçadão desta municipalidade objetivando construir um levante contra a Proposta de Emenda à Constituição sob o número 33/2012 (PEC) que em um ato inconstitucional do presidente da Câmara dos Deputados, Eduardo Cunha (PMDB) foi aprovada.

Para o professor, o ato tem a intenção ainda de reforçar e mobilizar a juventude Altaneirense, uma vez que entende que é pela força da mobilização popular e do encorajamento dos jovens que foi, é e sempre será uma das armas mais poderosas contra o avanço do conservadorismo nesse pais. “Ante a este cenário e, percebendo que para que este texto se torne lei há a necessidade ainda ser aprovada em um segundo turno na Câmara, além de ser aprovada em dois turnos no Senado, julgamos ser importante lutar para que o texto seja rejeitado. Com isso nos juntaremos a diversos setores da sociedade que vislumbram um futuro educacional para a juventude. Há que afirmar, portanto, que reduzir a maioridade penal é uma afronta ao direitos da juventude, uma afronta a Constituição e ao Estatuto da Criança e do Adolescente”, pontuou Nicolau que já criou um evento na rede social facebook como proposta de divulgação e agregação ao ato que ocorrerá no dia 07 de setembro a partir da 08h00 da manhã.

Como proposta e bandeira de luta durante o evento, Nicolau menciona “queremos mais educação. Queremos que os direitos sejam ampliados e efetivados. Levante-se e venha conosco nessa caminha”.

*Pós-graduado em Docência do Ensino Superior (FCC), graduado com Licenciatura Plena em História (URCA), professor, administrador dos Blogs Informações em Foco e (Des) Construindo a História e ativista na luta pela igualdade racial e reconhecimento das contribuições da população negra na formação do Brasil.

+ sobre o tema

Grêmio lança campanha contra o racismo e discriminação em vídeo

Clube gravou imagens com os jogadores Zé Roberto, Alex...

Justiça determina que UFSM mantenha cotista afrodescendente

Comissão teria questionado a raça e a origem do...

Você se sentiu representada (o) no casório da família real britânica?

A família real britânica não exerce poder político definidor...

para lembrar

Mulheres vítimas de violência fazem ‘via-sacra’ para denunciar

A mulher vítima de violência doméstica, quando decide denunciar...

Polícia prende membros de grupo skinhead no centro de SP

Cinco jovens suspeitos de fazer parte de um grupo...

Alunos protestam em favor de cotas

Caminhada "Movimento Cotas Já!" começou no Bairro de Fátima...
spot_imgspot_img

SC tem alta de 51% nos casos de injúria racial e lidera denúncias do crime no país

Em Santa Catarina, seis pessoas procuraram a polícia por dia, em média, para denunciar casos de injúria racial em 2023. No ano passado, 2.280 pessoas sofreram ofensas...

O destino dos negros

A semana em que o Estatuto da Igualdade Racial (lei 12.288/2010) completou 14 anos foi repleta de notícias que atestam o quanto o Brasil está longe...

Roda de samba no Centro do Rio registra dupla imitando macacos em evento: ‘não será tolerado’

O PedeTeresa, roda de samba que acontece na Praça Tiradentes, no Centro do Rio, compartilhou um vídeo de uma dupla imitando macacos em um...
-+=