Guest Post »
Ator de Pantera Negra faz discurso inspirador em universidade americana
Créditos da foto: ERIC THAYER / REUTERS

Ator de Pantera Negra faz discurso inspirador em universidade americana

‘Use sua educação para melhorar o mundo’, disse Chadwick Boseman em cerimônia

no O GLOBO

Estudantes da Universidade de Howard, em Washington, nos Estados Unidos, tiveram uma visita ilustre neste final de semana. O ator Chadwick Boseman, que interpreta o protagonista T’Challa no filme Pantera Negra, discursou neste sábado para os jovens que se formavam. As palavras foram consideradas inspiradoras e movimentaram as redes dos alunos.

Chadwick, que se formou na universidade em 2000, participou da abertura da cerimônia de formatura com seu discurso. Ele falou sobre diversos temas, mas, sobretudo, encorajou os alunos a terem um propósito em seus caminhos profissionais após a universidade.

Na ocasião, o ator recebeu também uma medalha.

ERIC THAYER / REUTERS

‘Propósito é um elemento essencial de vocês’

Sob os olhares dos alunos, o ator questionou: “Você preferirira encontrar um propósito a um emprego ou uma carreira”. “Propósito atravessa disciplinas. Propósito é um elemento essencial de vocês. É a razão pela qual você está no planeta neste momento em parituclar da história”.

Ainda durante seu discurso para a plateia de estudantes, o ator acrescentou: “Independetemente do que você escolher como carreira, lembre que as batalhas ao longo do caminho são significativas para formar vocês para o seu propósito”.

‘Prossigam com orgulho’

Em mais uma mensagem encorajadora aos alunos, Chadwick falou sobre escolhas: “Eu não sei como o futuro de vocês será, mas, se estão dispostos a tomar o caminho mais difícil, o mais complicado, o com mais falhas no início do que sucessos, o que têm ultimamente provado ter mais significado, mais vitórias, mais glória, então vocês não vão se arrepender”, encorajou o ator. “Agora, como vocês começam seus caminhos, prossigam com orgulho e com propósito”.

Chadwick lembrou ainda um protesto feito por estudantes contra a universidade.

“Alguns de vocês aqui lutaram contra a própria universidade”, afirmou ele. “Muitos de vocês vão deixar Howard e entrar em sistemas e instituições que têm uma história de discriminação e marginalização. O fato de vocês terem lutado com essa universidade que amam é um sinal de que vocês podem usar sua educação para mlehorar o mundo em que estão entrando”.

Artigos relacionados