Guest Post »

BK’, Djonga, Diomedes, Baco, Marcelo D2, Karol Conka e Rashid estão em lista de melhor álbum do ano da APCA

Associação Paulista de Críticos de Arte escolhe 50 álbuns nacionais antes de chegar ao veredito do disco do ano.

Por Vinicius Voutsinas Do Portal RAP Mais

Foto: Reprodução/Portal RAP Mais

Com tantos bons álbuns lançados no segundo semestre de 2018, a APCA (Associação Paulista de Críticos de Arte) deve ter tido um grande trabalho para escolher somente 25 discos brasileiros. Mas, como virou tradição, o juri acaba de revelar a segunda parte do listão de melhores álbuns lançados em 2018.

No total, a comissão da APCA, formada pelos jornalistas e críticos Alexandre Matias, José Norberto Flesch, Lucas Brêda, Marcelo Costa e Roberta Martinelli, seleciona 50 álbuns e, a partir deles, chegam à conclusão sobre qual é o disco do ano. No total, selecionados 117 discos. A partir daí, entre debates e votações, os jurados chegaram ao número de 50 álbuns, 25 por semestre.

No ano passado, por exemplo, Boca, de Curumin, foi selecionado como o o melhor de 2017. Em 2016, o vencedor foi MM3, do Metá Metá. A Mulher do Fim do Mundo, de Elza Soares, figurou no topo da lista em 2015.

Na pré-lista com os 25 indicados lançados no segundo semestre do ano, aparecem grandes nomes do rap nacional, como: Baco Exu do Blues com Bluesman, Bk’ com Gigantes, Diomedes Chinaski com Comunista Rico, Edgar com Ultrasom, Karol Conká com Ambulante e Marcelo D2  com seu audiovisual AMAR é para os FORTES.

O disco do rapper baiano, foi lançado no dia 23 de novembro e chegou aos 45 do segundo tempo, mas fez estrago. Já movimentou as redes sociais, críticos e figura como um dos candidatos a líder em outras listas de melhores do ano. Vale destacar que o álbum de Djonga e Rashid tambem são candidatos,visto que foram revelados na lista de primeiro semestre.

O anuncio de melhor disco do ano da APCA será feito em breve.

Artigos relacionados