Brasil: CPLP deve ter “existência real com ações concretas” para estreitar laços no mundo lusófono Pepetela

 

 

Rio de Janeiro, 05 set (Lusa) — A Comunidade dos Países de Língua Portuguesa (CPLP) deve ter uma “existência real com ações concretas” e não ser um pretexto para reuniões de alto nível, defendeu Pepetela, que esteve no Rio de Janeiro na Bienal Internacional do Livro.

Segundo o autor angolano, que participou domingo no debate sobre “África — Brasil: transas literárias, transes existenciais”, uma das formas de pagar a “dívida histórica” do Brasil em relação ao continente africano seria manter o esforço de tornar a sociedade brasileira mais igualitária em direitos dos afro descendentes.

“Há muito a fazer dos dois lados para estreitar cada vez mais as relações, criar uma ponte, não tanto no sentido único, como está a acontecer por parte do Brasil. Os escritores já estão a fazer a pequenina coisa que poderiam fazer”, argumentou Pepetela.

 

 

Fonte: Expresso

+ sobre o tema

Livros angolanos expostos em Lisboa serão matéria de estudo

Lisboa (do correspondente) – Alguns dos 50 títulos...

Fifa se desculpa por desrespeito de consultora a africanos e sul-americanos

A Fifa pediu desculpas pelas declarações desrespeitosas a africanos...

Fundação Palmares quer que Cais do Valongo, no Rio, vire patrimônio da humanidade

Brasília – A Fundação Cultural Palmares quer tornar o...

para lembrar

Hamilton é advertido por incidente com Bruno Senna nos boxes

Mais rápido do primeiro dia de treinos para...

Tênis: Venus sofre, e rivais “passeiam” na Austrália

Venus Williams sofreu para passar à terceira rodada...

Hip hop nacional ganha fôlego entre público pop em 2011; conheça os principais nomes

Depois de lançar a elogiada mixtape Pra Quem Já...

Lewis Hamilton descarta sair enquanto McLaren for competitiva

Piloto inglês teve seu nome envolvido em boatos...
spot_imgspot_img

Crianças do Complexo da Maré relatam violência policial

“Um dia deu correria durante uma festa, minha amiga caiu no chão, eu levantei ela pelo cabelo. Depois a gente riu e depois a...

Em autobiografia, Martinho da Vila relata histórias de vida e de música

"Martinho da Vila" é o título do livro autobiográfico de um dos mais versáteis artistas da cultura popular brasileira. Sambista, cantor, compositor, contador de...

“Dispositivo de Racialidade”: O trabalho imensurável de Sueli Carneiro

Sueli Carneiro é um nome que deveria dispensar apresentações. Filósofa e ativista do movimento negro — tendo cofundado o Geledés – Instituto da Mulher Negra,...
-+=