Chefe de gabinete de Obama deixa o cargo para disputar prefeitura

Presidente elogia Rahm Emanuel e diz que assessor foi fundamental em seu governo

WASHINGTON – O chefe de gabinete de Barack Obama, Rahm Emanuel, anunciou nesta sexta-feira, 1º, sua saída da equipe do presidente americano para disputar a Prefeitura de Chicago.

O anúncio da saída de Emanuel foi feito na Casa Branca, onde Obama o agradeceu pela colaboração em sua gestão. “É justo dizer que não conseguiríamos o que conseguimos sem a liderança de Rahm”, disse o presidente. Emanuel ajudou Obama com as reformas financeira e da saúde, duas prioridades do presidente.

Pouco depois, o presidente anunciou seu novo chefe de gabinete, Pete Rouse, conselheiro de Obama, que ajudou a planejar a campanha presidencial.

Fonte: Estadão

+ sobre o tema

Minha Casa, Minha Vida: Governo amplia limite de renda para compra da casa própria

Rendimento mensal máximo sobe de R$ 4.900 para R$...

Sobre leite, achocolatado, bananas e vitamina por Marcos Rezende

Antes de eu saber que era meramente comercial,...

O duplo desafio de Obama

- Fonte: O Estado de São Paulo - Conforme...

Candidaturas coletivas podem acabar já em 2024; a quem isso interessa?

As candidaturas coletivas podem deixar de existir já a...

para lembrar

PNDH III E A LUTA PELOS DIREITOS HUMANOS NO BRASIL

  A ABONG - Associação Brasileira de Organizações...

Reforma da Previdência provoca corrida a postos do INSS no Rio

A maioria das agências do Instituto Nacional do Seguro...

Barack Obama elege seus filmes favoritos de 2023; veja lista

Tradicionalmente, o ex-presidente dos Estados Unidos, Barack Obama, escolhe seus filmes, músicas e livros favoritos do ano. Nesta quarta-feira (27), Obama compartilhou em suas...

Morre o político Luiz Alberto, sem ver o PT priorizar o combate ao racismo

Morreu na manhã desta quarta (13) o ex-deputado federal Luiz Alberto (PT-BA), 70. Ele teve um infarto. Passou mal na madrugada e chegou a ser...

Equidade só na rampa

Quando o secretário-executivo do Ministério da Justiça e Segurança Pública, Ricardo Cappelli, perguntou "quem indica o procurador-geral da República? (...) O povo, através do seu...
-+=