Companhia distribui mil livros, que serão entregues gratuitamente

Pelas redes sociais a Companhia Ih, Contei, criada pelos artistas Leandro Pedro e Elton Pinheiro dá vida a contos infantis, através de trabalhos lúdicos, durante os meses de fevereiro e março. Quem quiser, ainda pode receber gratuitamente e em casa, o livro “Maria do Socorro”.  Escrita por Leandro, a história narra a vida de uma velha senhora cega que enxerga o mundo com seus olhos de vidro e por onde ela passa, diz ‘aproveite a vida antes de morrer’. Serão distribuídos 800 livros para escolas e 200 livros para o público em geral.

Durante as lives realizadas no Instagram @ih_contei, entre fevereiro e março, o grupo cria ações de contação de histórias, oficinas de escrita criativa e de narrativas, distribuição de livros e intervenções poéticas tudo nas páginas sociais do da Ih, Contei.

Oficinas gratuitas para escolas
Entre as atividades a serem realizadas, a Ih, Contei irá disponibilizar 12 oficinas para escolas públicas, que abordarão temas relacionados às técnicas da contação de histórias. Por meio do estímulo e do engajamento à autorreflexão, os participantes da oficina irão transformar vivências pessoais em escrita, como uma estratégia de reaproximação consigo mesmo, a fim de se reconhecer um ser com perfeições e imperfeições.

Para crianças embarcarem na literatura 

Série de vídeos de contação de histórias da cultura popular, como a história da Yara, Vitória Régia, contos indígenas, lendas africanas entre outros e tudo feito especialmente para os pequenos. O público pode acessar ao conteúdo gratuitamente no Youtube da companhia.

SERVIÇO:

Companhia Ih contei realiza várias atividades em 2021, incluindo distribuição de mil livros para público nos meses de fevereiro e março. Onde? No site da Ih, Contei (www.ihcontei.com.br), as solicitações de livros podem ser feitas no próprio site.

 

Leia Também:

Winnieteca usa leitura como ferramenta de combate ao racismo

Literatura infantil com personagens negras: narrativas descolonizadoras para novas construções identitárias e de mundo

100 livros infantis com meninas negras – Parte II Final

** ESTE ARTIGO É DE AUTORIA DE COLABORADORES OU ARTICULISTAS DO PORTAL GELEDÉS E NÃO REPRESENTA IDEIAS OU OPINIÕES DO VEÍCULO. PORTAL GELEDÉS OFERECE ESPAÇO PARA VOZES DIVERSAS DA ESFERA PÚBLICA, GARANTINDO ASSIM A PLURALIDADE DO DEBATE NA SOCIEDADE. 

+ sobre o tema

para lembrar

Cerimônia de formatura em MT reúne 43 índios de 32 etnias diferentes

Formandos do curso de Pedagogia Intercultural que reúne 32...

mais além da cota: a onda negro-africana por Alex Ratts

desde o começo dos anos 2000, uma série de...

Brasil atualiza o racismo por não discutir “branquitude”

Na Escola, instituição discriminatória, ser branco é ser exemplo,...

O homem lata: como a educação transforma gente em capital humano

A educação escolar está submetida a propósitos intencionais, a...
spot_imgspot_img

Inscrições para o Prouni começam nesta terça-feira

As inscrições para o processo seletivo do Programa Universidade para Todos (Prouni) do segundo semestre de 2024 começam nesta terça-feira. Os interessados terão até...

Geledés publica boletins sobre a Primeira Infância nos estados brasileiros

Geledés Instituto da Mulher Negra está realizando as ações da segunda etapa do projeto “Primeira Infância no Centro: garantindo o pleno desenvolvimento infantil, uma...

PL do novo PNE apresenta avanços em equidade e dá primeiro passo em financiamento, mas precisa de melhorias estruturais e traz também retrocessos

O Projeto de Lei (PL) nº 2.614/2024, que prevê um Plano Nacional de Educação (PNE) para o período de 2024-2034, apresenta avanços relacionados à...
-+=