Fela Kuti – Conheça o músico africano que inspirou Beyoncé, Rihanna, Jay-z e Marcelo D2

Sabe aquela pegada africana muito marcante em LOUD!, novo álbum de Rihanna? E aquela cadência exótica que Beyoncé trouxe em seu recém-lançado 4? Então, provavelmente alguma vez você já deve ter ouvido falar de Fela Kuti e seu legado: o afrobeat.

O musical Fela!, adaptou a história do músico para uma peça da Broadway, que ganhou três prêmios Tony, considerado o Oscar do teatro. Em 2011, chega às livrarias do Brasil a biografia Fela – Esta Vida Puta (Nandyala, 344 páginas), escrita pelo jornalista cubano Carlos Moore em 1982.

O livro conta a história do músico nasceu na Nigéria em 1938, filho de uma feminista militante e um reverendo. Fela Kuti estudou música em Londres, onde conheceu os ideais do ativista da causa negra, Malcolm X, e toda a mistura de sons de James Brown.

Algum tempo depois e com muitas novas experiências, o músico retornou à Nigéria para criar a primeira banda de sua vida, o Africa 70. Fela Kuti passava horas tentando tirar novos sons de seu saxofone, um dia misturou ritmos africanos, jazz e funk, eis que surgia um novo gênero musical: o afrobeat.

Seu estilo de vida nada convencional e suas letras sempre politizadas chamaram atenção das autoridades. Em 1970, criou a comunidade Kalakuta, uma espécie de favela onde vivia com suas 27 mulheres e todos os músicos de sua banda. Essa foi a gota d’água para Estado Militar, que prendeu o músico e o obrigou presenciar o estupro de suas mulheres por soldados.

Em 1997, Fela Cuti faleceu por complicações ocasionadas pelo vírus HIV. Porém, seu legado é tão importante para a música quanto a obra de James Brown, Miles Davis e Bob Marley. Responsável por divulgar a cultura africana ao redor do mundo, Fela é atualmente influência para os mais diversos artistas, da black music ao pop.

 

Fonte: Virgula

+ sobre o tema

Duas médicas explicam porque aceitaram o Mais Médicos

Duas médicas do grupo de 45 profissionais que passará...

Fármaco brasileiro mostra bons resultados contra anemia falciforme

Por Karina Toledo Agência FAPESP – Um fármaco...

Maria da Ilha, um retrato da catarinense Antonieta de Barros em crônicas

Professora e política, ela também fundou jornais e escreveu...

Vamos para onde os brasileiros não vão, diz cubano vaiado por médicos

Um dos médicos cubanos vaiados na noite de...

para lembrar

De férias, Kobe Bryant dá aulas para garotos no Harlem

Por: Anderson Giorge   Melhor jogador em atividade na NBA, Kobe...

Pelé lança projeto social e diz que Maradona é exemplo negativo

Por Leandro Canônico Rei do Futebol volta a alfinetar...

Em grande noite de Nenê, Denver Nuggets voa em quadra e atropela Miami

Sem LeBron James, lesionado, Heats tomam vareio e perdem...

Começa em SP encontro que debate a arte africana

Evento acontece até sexta-feira (27) no Parque do Ibirapuera,...
spot_imgspot_img

Beyoncé revela ter psoríase e fala sobre sua relação com o cabelo ao lançar linha de cosméticos

Beyoncé revelou em uma entrevista ter psoríase no couro cabeludo. Ela falou sobre o assunto em uma entrevista à revista "Essence", publicada no site no...

Por que Bob Marley é um ícone dos direitos humanos

Ao se apresentar em junho de 1980 na cidade alemã de Colônia, Bob Marley já estava abatido pela doença. Ainda assim, seu carisma fascinou...

Saiba quem é o neto de Bob Marley que emplacou sucesso na Billboard; ouça a canção

YG Marley, nome artístico de Joshua Marley, neto do icônico cantor de reggae Bob Marley, estreou no Billboard Hot 100 com o single “Praise Jah...
-+=