Cotas raciais no Brasil são discutidas em Harvard

Adison Moreira

A recente decisão do Supremo Tribunal Federal (STF) em relação às cotas raciais e as ações afirmativas em favor dos negros no Brasil serão discutidas em Harvard, considerada a melhor universidade do mundo. A tese de doutorado “Justiça Racial no Brasil: a luta por igualdade nos tempos do novo constitucionalismo”, de autoria do brasileiro Adilson Moreira, será defendida na faculdade de Direito na próxima semana. Moreira mora há mais de seis anos nos Estados Unidos e é mestre pela mesma universidade. O professor de direito constitucional da UERJ, Luís Roberto Barroso, autor de um parecer favorável às cotas raciais pra o STF no ano passado e pesquisador visitante de Harvard em 2011, foi convidado para compor a banca. “A tese quer desmistificar a questão da democracia racial, mostrando a posição de subalternidade das pessoas por conta da cor da sua pele e a importância das ações afirmativas”, diz Barroso. Também compõem a banca os professores norte-americanos Randall Kennedy e David Wilkins.

 

Sobram bolsas para brasileiros em Harvard, MIT e Stanford

Cotas em São Paulo, porém não muito

Por que as cotas raciais deram certo no Brasil

Elio Gaspari: As cotas desmentiram as urucubacas

Cotas raciais: O voto do Ministro Joaquim Barbosa

Mérito da hipocrisia: debate sobre cotas raciais no Brasil

 

 

Fonte: Época

+ sobre o tema

Carta da Comunidade de Brasileiros e Brasileiras Residentes na Jurisdição de Berlim

II Conferência das Comunidades Brasileiras no Exterior dos quais Marcos...

Urbanização brasileira mostra intolerância à pobreza

por Isabela Palhares O ininterrupto crescimento da cidade de São...

Respeita o meu axé. E o amém

Religiões de matriz africana não buscam hegemonia Por FLÁVIA OLIVEIRA,...

para lembrar

Visão racista da religião

As violências cotidianas contra as religiões de matriz africana...

Merkel se solidariza com deputadas atacadas por Trump

O presidente dos EUA disse que as parlamentares deveriam...
spot_imgspot_img

Maurício Pestana: escola de negros e o Terceiro Vagão

Em vários artigos já escritos por mim aqui, tenho apontado como o racismo no Brasil utiliza a via da questão econômica e educacional para...

Tragédia no RS apaga pessoas negras e escancara racismo ambiental

No início dos anos 2000, viajei a Mato Grosso do Sul para participar de um evento universitário. Lembro que na época eu causei espanto...

Racismo em escolas de Niterói: após reunião com mãe de dois adolescentes vítimas de insultos, deputada vai oficiar MP, polícia e prefeitura

Após uma reunião com Renata Motta Valadares, mãe de dois adolescentes de Niterói que foram vítimas de racismo em duas diferentes escolas particulares, a deputada estadual...
-+=