Diversidade de gênero entra no currículo de escolas da Austrália

A Austrália fez a lição de casa em relação a questões de gênero; afinal, como já diz o ditado, é de pequenino que se torce o pepino. No Estado de Vitória, a quebra de tabus e de estereótipos agora faz parte do ensino fundamental e do médio em uma matéria obrigatória no currículo, intitulada Relações Respeitosas (Respectful Relationships).

Foto: Reprodução/As coisas mais criativas do mundo

Do As coisas mais criativas do mundo

Assim, serão abordados em sala de aula temas como a naturalidade na escolha deles pela boneca e delas pela bola, nos primeiros anos, e discussões sobre privilégios masculinos na sociedade e terminologias como cisgênero e trans, nas turmas mais avançadas.

Em dois anos, o governo investirá 21,8 milhões de dólares australianos, o equivalente a cerca de R$ 55 milhões, para implementar e desenvolver o novo programa nas escolas.

Segundo informações do Departamento de Educação e Treinamento do Estado de Vitória, a mudança curricular foi implementada sobretudo para reduzir os índices de violência familiar contra mulheres e crianças. Se respeito é algo que não vem do berço, então precisa ser ensinado o quanto antes.

+ sobre o tema

O que fala esse corpo de mulher? Sexismo, (in)correção política e Gisele Hope

Quando alguns personagens participam de determinadas discussões, inevitavelmente são...

A revolta do “não estou grávida, estou gorda”

A guerra das barrigas felizes: Drew Barrymore é a...

II Edital Gestão Escolar para a Equidade – Juventude Negra

Vários estudos mostram que há resultados educacionais significativamente piores...

Nota de Repudio ao Governo de Santa Catarina

NOTA DE REPUDIO AO GOVERNO DO ESTADO DE SANTA...

para lembrar

Porto Alegre: Mulheres Brasileiras

O projeto Mulheres Brasileiras chega a Porto Alegre, onde...

Parada Gay movimenta economia paulistana

  No ano passado, evento injetou R$...

50 erros de português que você não pode mais cometer

Guia prático para não queimar mais o filme em...

Aborto: Carta Aberta aos candidatos a presidência

O fórum de entidades Jornadas pelo Direito ao Aborto...
spot_imgspot_img

Ser menina na escola: estamos atentos às violências de gênero?

Apesar de toda a luta feminista, leis de proteção às mulheres, divulgação de livros, sites, materiais sobre a valorização do feminino, ainda há muito...

Como a educação antirracista contribui para o entendimento do que é Racismo Ambiental

Nas duas cidades mais populosas do Brasil, Rio de Janeiro e São Paulo, o primeiro mês do ano ficou marcado pelas tragédias causadas pelas...

SISU: selecionados têm até quarta-feira para fazer matrícula

Estudantes selecionados na primeira chamada do processo seletivo de 2024 do Sistema de Seleção Unificada (Sisu) têm até quarta-feira (7) para fazer a matrícula...
-+=