E chegou novembro, o Mês da Consciência Negra.

Por Arísia Barros

 

Gurgumba, o quilombo localizado no município de Viçosa, Alagoas é rasgado pela arquitetura da não existência.

Chama atenção a forma desordenada de convivência entre os trilhos de trem, pálidos casebres de taipa e crianças- órfãs do espaço das brincadeiras infantis. Os trilhos são os companheiros do faz-de-conta das invisíveis 80 crianças quilombolas de Gurgumba.
Os trilhos de Gurgumba transportam o açúcar, o ouro da cana e empobrecem a riqueza da história de um povo.

As 80 crianças de Gurgumba não tem trilhos que as leve para a escola. Vão em grupos. Não vão de trem. O trem dos trilhos de Gurgumba transporta o ouro da cana. Não transportam crianças. Elas vão em grupo, quase em bando. Uma maiorzinha de 10 ou 12 anos “vigia” os mais novos.

As crianças de Gurgumba que vão em grupo para a escola, pois, o trem prioritariamente, carrega o ouro da cana, têm que suportar nos ombros, ainda frágeis, o peso de serem quilombolas.

Como não tem estradas que as tirem do confinamento do analfabetismo as guerreiras mirins atravessam o matagal e vão à caça das letras, na escola, no centro de Viçosa.

A infância das 80 crianças de Gurgumba pede atenção. Infância rima com desenvolvimento humano.

O desenvolvimento humano das crianças de Gurgumba tem mobilidade reduzida. Falta espaço de crescimento.

Banhado pelo Rio Paraíba, o quilombo de Gurgumba, vive em um oceano de necessidades.
A infância das crianças de Gurgumba sofre com o humor das águas. Elas basicamente moram entre os trilhos que transportam ouro e a violência do Paraíba no local.

As 80 crianças em Gurgumba têm a pele manchada pelo descaso com a infância. Feridas de difícil cicatrização.

As crianças do quilombo de Gurgumba são subcidadãs alagoanas, apesar de Zumbi..

E chegou novembro, o Mês da Consciência Negra.

As crianças quilombolas de Gurgumba não têm muito para comemorar.

 

 

Fonte: Cadaminuto

+ sobre o tema

Rede social para negros quer dar visibilidade a políticos e empreendedores

A Black & Black, uma rede social brasileira indicada...

Exposição na Casa França Brasil conta a história do negro no Rio

Mostra reúne 500 peças, como bronzes do Benin, máscaras...

Quilombolas entrarão na justiça por danos morais

Federação Nacional de Associações Quilombolas (FENAQ) entrará com uma...

para lembrar

OAB e Ministra estudarão incluir tema da igualdade racial no exame de ordem

O presidente nacional da Ordem dos Advogados do Brasil...

A ministra negra da nova República.

A ministra negra da nova República matéria original de Marcos...

Ministra Luiza Bairros discute parceria com EBC para projetos de valorização da cultura afro-brasileira

Possíveis parcerias terão como propósito a difusão de projetos...
spot_imgspot_img

Câmara aprova projeto que torna Dia da Consciência Negra feriado nacional; texto vai à sanção

Por 286 votos a favor e 121 contrários, a Câmara dos Deputados aprovou nesta quarta-feira (29) um projeto de lei que declara o dia 20 de...

Profissionais negros reinventam suas carreiras na TV e avaliam a importância da discussão racial

No Dia da Consciência Negra, o gshow conversou com artistas que compartilham a jornada que é ser um profissional preto na teledramaturgia. Entre eles, atores, atrizes e...

“Quanto mais diversos formos, melhores seremos”

Uma das mais destacadas intelectuais em atividade no país, a historiadora e antropóloga Lilia Schwarcz, docente da Faculdade de Filosofia, Letras e Ciências Humanas...
-+=