É oficial: Angela Davis vem ao Brasil em outubro!

A filósofa e ativista estadunidense virá em outubro a São Paulo e ao Rio de Janeiro, para lançar a edição brasileira de sua autobiografia no encerramento do Seminário Internacional “Democracia em Colapso?”, promovido pela Boitempo e pelo Sesc São Paulo.

Do Boitempo

Boris Roessler / Agência O Globo

Deu na Folha e no Estadão. Ícone do feminismo negro, a filósofa e ativista Angela Davis virá, em outubro, a São Paulo e ao Rio de Janeiro, para promover o lançamento da edição brasileira de sua autobiografia (Boitempo, 2019). Confirmando rumores que circulam no meio editorial nos últimos meses, a Boitempo, editora de Davis no país, em parceria com a Fundação Rosa Luxemburgo, confirma a presença da escritora norte-americana na conferência “A liberdade é uma luta constante”, que encerrará o Seminário Internacional “Democracia em Colapso?”, promovido pela editora e pelo Sesc São Paulo, entre os dias 15 e 19 de outubro no Sesc Pinheiros. A mediação será da jornalista Adriana Ferreira Silva, editora-executiva de Marie Claire Brasil.

Esta será a quinta edição da parceria que, desde 2011 promove encontros sobre as mais recentes reflexões dos campos da teoria social e da filosofia. No total, cerca de 50 intelectuais e ativistas do Brasil e de outros países do mundo participarão do evento, que se decompõe em um curso de 4 aulas e um ciclo de 12 debates e palestras. As inscrições serão realizadas pelo site do Sesc São Paulo a partir do dia 25 de setembro (curso e pacote integral do ciclo de debates) e 09 de outubro (venda de dias avulsos do ciclo de debates). Mais informações e programação completa em www.democraciaemcolapso.com.br

Na segunda-feira 21 de outubro, Angela Davis fará nova conferência, desta vez no Auditório Ibirapuera, com comentários da pesquisadora Raquel Barreto (prefaciadora da edição brasileira da autobiografia de Davis) e de Anielle Franco (irmã de Marielle Franco e colaboradora da edição brasileira da autobiografia), com mediação de Christiane Gomes (Fundação Rosa Luxemburgo). O evento é promovido em parceria entre Boitempo, Auditório do Ibirapuera, Secretaria Municipal de Cultura de São Paulo, Secretaria Municipal do Meio Ambiente de São Paulo e Itaú Cultural.

A passagem da filósofa pelo país se encerra na quarta-feira 23 de outubro, no Rio de Janeiro, onde Davis apresentará conferência e receberá a Medalha Tiradentes, concedida pela ALERJ por iniciativa da deputada estadual Renata Souza, no Armazém da Utopia.

Mais informações sobre a agenda de Angela Davis serão divulgadas no site e nas redes sociais da Boitempo.

+ sobre o tema

Escritora Elisa Pereira lança amanhã “Sem Fantasia”, seu segundo livro!

Na próxima terça-feira (29), às 19h, será lançado “Sem...

O conferencismo e o marchismo como formas de lutas políticas

Aconteceu em Brasília, em 18 de novembro, a Marcha...

“O Quarto de Despejo está vivo”, afirma filha de Carolina Maria de Jesus

Em 60 anos do livro “Quarto de Despejo: Diário...

Mulheres Maravilhosas: Cristiane Sobral

Não me lembro exatamente como entrei em contato com...

para lembrar

Tom Morello volta ao Brasil e pede justiça para Marielle

Quem acompanha a trajetória do guitarrista Tom Morello, sabe...

Filha mais velha de Obama, Malia atrai legião de fãs com seu estilo

Filha do dono da caneta mais poderosa do mundo,...

Gaby Amarantos fala sobre racismo: ‘Aperta o coração’

Única mulher negra no sofá do "Saia justa", do...

Ela atuou em uma série da Globo: “Meus 15 minutos de fama quase me destruíram”

A fama é uma amante cruel. Num momento, Jaqueline...
spot_imgspot_img

Negra Li mostra fantasia deslumbrante para desfile da Vai-Vai em SP: ‘Muita emoção’

A escola de samba Vai-Vai está de volta ao Grupo Especial para o Carnaval 2024, no Sambódromo do Anhembi, em São Paulo, neste sábado...

Livro põe mulheres no século 20 de frente com questões do século 21

Vilma Piedade não gosta de ser chamada de ativista. Professora da UFRJ (Universidade Federal do Rio de Janeiro) e uma das organizadoras do livro "Nós…...

“O Itamaraty me deu uma bofetada”, diz embaixadora Isabel Heyvaert

Com 47 anos dedicados à carreira diplomática, a embaixadora Isabel Cristina de Azevedo Heyvaert não esconde a frustração. Ministra de segunda classe, ela se...
-+=