É significativo que 13 de maio não seja feriado

Não que o Brasil precise de mais um feriado, mas é significativo que 13 de maio esteja fora das “datas nacionais”. Pouco celebramos aquele dia de 1888 em que, com vergonhoso atraso, aboliu-se a escravidão. Ela é a nossa tragédia maior e, paradoxalmente, também a nossa glória, pois não seríamos nada, em qualquer aspecto, sem a presença africana.

por Luiz Fernando Vianna na Folha

A antropóloga Lilia Schwarcz, que está lançando com a historiadora Heloisa Starling o livro “Brasil: Uma Biografia”, relatou nesta Folha a indignação que sentiu ao ouvir pessoas, após uma sessão do filme americano “12 Anos de Escravidão”, dizerem coisas como “que bom que no Brasil não foi assim”.

Por desconhecimento ou má-fé, encampamos falácias como as de que a ditadura militar não foi tão dura quanto de fato foi e que a corrupção é obra de alguns malfeitores –e não uma chaga que está no DNA do país e que praticamos no nosso cotidiano.

Entre os séculos 16 e 19, chegaram ao Brasil, em navios negreiros, 4,8 milhões de seres humanos escravizados –e outros 300 mil morreram nas viagens. A fantasia de uma boa convivência entre casa-grande e senzala e o consequente mito da democracia racial não resistem aos fatos nem a um mínimo de inteligência.

leia também: Notas sobre os Desafios para o Brasil

Cegos para a verdade, banalizamos a brutalidade. Pesquisa divulgada no dia 7 –por Unesco, governo federal e Fórum Brasileiro de Segurança Pública– aponta que jovens (12 a 29 anos) negros são duas vezes e meia mais vítimas de homicídios do que os brancos. O último Mapa da Violência, com dados de 2010, mostra que são negros 75% dos jovens que tiveram morte violenta.

E ainda há o quartinho de empregada, a entrada de serviço, a roupa branca das babás, os salários menores… Pode ser que falte festa para o fim da escravidão porque ela ainda não acabou de fato.

+ sobre o tema

Governo oficializa anistia política de Marighella

O ministro da Justiça, José Eduardo Cardozo, oficializou a...

Elisa Lucinda: Aviso da Lua que menstrua

Moço, cuidado com ela! Há que se ter cautela com...

O desafio de se tornar negro

Não é só uma questão de pele. É um...

para lembrar

Disco mexicano de Simonal chega ao Brasil com 40 anos de atraso

Lançado há 40 anos pela filial mexicana da gravadora...

100 anos de samba e a origem negra da música latina

Tanto o samba quanto o tango têm em comum...

Caster Semenya deixa preconceito e rivais para trás e conquista ouro nos 800m

Depois de ter de passar por testes para comprovar...

Dilma lamenta morte do baluarte negro Abdias Nascimento

A presidente Dilma Rousseff divulgou nota de pesar nesta...
spot_imgspot_img

Brasileiro dirige único teatro negro da Alemanha

"Ainda tenho um milhão de coisas para fazer", diz Wagner Carvalho, diretor artístico do teatro Ballhaus Naunynstrasse em Berlim, poucas horas antes da estreia da noite. Wagner não...

Coletivo Kukuru Itan realiza oficina gratuita de teatro de Nanã para idosos durante o mês de junho

Com a missão de valorizar a identificação de idosos racializados, sobretudo negros, o Coletivo Kukuru Itan criou a oficina de teatro de Nanã, que acontece durante o mês...

Graciela Soares se inspira na obra de Carolina Maria de Jesus para o lançamento de single inédito

A partir do 7 de junho, a cantora e compositora Graciela Soares apresenta nas principais plataformas de áudio o seu primeiro single autoral Despejo, confira o link do...
-+=