Estrela do futebol feminino, Hope Solo é presa por violência doméstica

Goleira do Seattle Reign FC agrediu sua irmã e sobrinho na madrugada deste sábado (21)

A jogadora do time de futebol Seattle Reign FC e bicampeã olímpica, Hope Solo, foi presa neste sábado (21) por espancar sua irmã e sobrinho durante uma reunião de família em sua casa, em Seattle, Estados Unidos.

A polícia foi chamada de madrugada, encontrando a goleira em sua casa irritada e bêbada. A irmã, que não foi identificada, e o sobrinho, de 17 anos, apresentavam ferimentos visíveis.

O policial Mike Murray contou ao jornal Seattle Times que as investigações indicaram Hope como a agressora e que foi uma situação “fora de controle”. A goleira foi presa sem possibilidade de pagamento de fiança.

Fonte: Correio 24 horas

+ sobre o tema

Deputada Leci Brandão homenageia mulheres com Medalha Theodosina Ribeiro

Aconteceu na ultima segunda-feira (28) a entrega da Medalha...

Núcleo da Unicamp abre inscrições para o concurso “Grafite Feminista”

O Núcleo de Estudos de Gênero Pagu, da Unicamp,...

Dilma sofre “estupro político”, diz filósofa

A filósofa e escritora Márcia Tiburi afirmou o que...

Lista: as seis mulheres reunidas na série ‘Filósofas brasileiras’

No imaginário popular, não é raro que a primeira...

para lembrar

Mulheres

As brasileiras ocuparam as ruas e as redes sociais...

Cinco vantagens da camisinha feminina que nem todo mundo conhece

Ela já existe desde 1980, mas foi de uns...

Todo mundo é boa mãe até ter filhos

Cena clássica de shopping: você está andando com as...
spot_imgspot_img

Mbappé comunica ao PSG que vai sair do clube ao fim do contrato

Mbappé comunicou à diretoria do Paris Saint-Germain que vai deixar o clube ao fim do contrato, o qual se encerra em junho. A informação foi dada...

13 leis sobre proteção à mulher que precisam ser efetivadas em 2024

Se é verdade que, no Brasil, o novo ano só começa depois do Carnaval, ainda é tempo de realizar uma retrospectiva, para divulgar leis...

Costa do Marfim venceu o CAN 2024

Já é conhecido o vencedor da 34ª edição do Campeonato Africano das Nações de futebol: a Costa do Marfim. Primeira parte: vantagem Nigéria A selecção nigeriana, que tinha...
-+=