Guest Post »

Estudantes denunciam racismo e homofobia na Faculdade de Direito de São Bernardo

Mais uma vez, a Faculdade de Direito de São Bernardo vira destaque nas mídias sociais. E mais uma vez (esta é a terceira) por insultos racistas e homofóbicos. O fato ocorreu na noite de quarta-feira (21), quando na porta do banheiro feminino foram escritas frases como “Fora Preta Sapatão”, “Odeio Preto” e “Fim das Cotas”. Este tipo manifestão, covarde e preconceituosa, foi um recado direto aos estudantes negros da instituição.

no ABCD Maior

Após tomar conhecimento das ofensas, que são consideradas crimes inafiançáveis, alguns alunos as fotografaram e levaram à direção da faculdade, que abriu sindicância para apurar o ocorrido.

A estudante Layla Coelho Cassimiro, do 4º ano, procurou à direção da faculdade e exigiu que fossem tomadas medidas e a apuração do caso. Ela também ressaltou que este insulto foi a d’água, uma vez que outras atitudes semelhantes de racismo já ocorreram na instituição. Segundo ela, os outros casos não foram devidamente apurados.

Layla Coelho registrou Boletim de Ocorrência digital e espera o posicionamento da Polícia Civil sobre o caso. Já a faculdade de Direito de São Bernardo, por meio de nota, informou que repudia o comportamento e que abriu sindicância para apurar os fatos.

Vinícius Marques, representante do Centro Acadêmico XX de Agosto e também aluno do curso de Direito, disse que vai usar a situação e trabalhar para que estudantes entendam e se conscientizem sobre a importância de cotas e do respeito às diferenças.

Related posts