Exposição no Museu Afro de Laranjeiras homenageia Orixás femininas

O Museu Afro Brasileiro de Sergipe, localizado em Laranjeiras, vai realizar a exposição “Nas Águas das Yabás”, que mostrará a relação das Orixás com as águas. A exposição será aberta na manhã desta sexta-feira, 13, dia em que se comemora a Abolição dos Escravos.

Do Aqui acontece

A programação ainda contará com um café da manhã no museu, o “Café Preto”, que, junto a comunidade, deve tornar- se um acontecimento mensal regado de músicas e de conversas com temáticas ligadas ao museu. Em seguida, haverá uma roda de conversa, na qual será discutido o tema “O que o homem negro comemora no dia 13 de maio nos dias atuais”.

Já à tarde, haverá uma ação educativa, que consiste em contação de histórias sobre as Yabás e Orixás femininas, como também, será realizada uma oficina de torços e turbantes ministrada por Amanda Cristina, aluna do curso de Dança da Universidade Federal de Sergipe.

A Exposição “Nas águas das Yabás” segue até dia 13 de junho.

Confira a programação completa

8h – Abertura da exposição “Nas águas das Yabás”
8h30 – Café Preto (café da manhã no museu)
9h00 – Apresentação do Maculelê da Capoeira Brasil
9h30 – Apresentação da dança afro-house
10h – Roda de conversa
13h – Ação educativa (contos das Yabás)
14h – Oficina de torço e turbantes
15h – Apresentação da Capoeira Brasil
15h30 – Encerramento

+ sobre o tema

Os Musicos do Lixão. “Eles nos mandam lixo e devolvemos-lhes música”

Landfill harmonic - La armonía del vertedero - Orquesta...

Poetisas negras: gênero e etnia através dos versos

Para começo de conversa, quantas escritoras negras vocês conhecem?...

Museu Paranaense abre exposição sobre afrodescendentes no Paraná

Além da exposição, outros eventos irão debater o tema...

para lembrar

Racismo atinge jogadores brasileiros, que aprovam até boicote a Copa do Mundo

Atletas contestam penas brandas, como multas e estádios fechados,...

PEDRA DO SAL HOMENAGEIA CARTOLA NO DOMINGO

  Pedra do Sal, local importante para a...

A falsa democracia racial. Por Luiz Zanin

  Luiz Zanin,   Acordamos assustados com a...
spot_imgspot_img

Casa onde viveu Lélia Gonzalez recebe placa em sua homenagem

Neste sábado (30), a prefeitura do Rio de Janeiro e o Projeto Negro Muro lançam projeto relacionado à cultura da população negra. Imóveis de...

No Maranhão, o Bumba meu boi é brincadeira afro-indígena

O Bumba Meu Boi é uma das expressões culturais populares brasileiras mais conhecidas no território nacional. No Maranhão, esta manifestação cultural ganha grandes proporções...

“O batuque da caixa estremeceu”: Congado e a relação patrimonial

“Tum, tum-tum”, ouçam, na medida em que leem, o som percussivo que acompanha a seguinte canção congadeira: “Ô embala rei, rainha, eu também quero...
-+=