Fênomeno negro no youtube, Nátaly Neri é a nova colunista da Mídia NINJA

No canal Afros e Afins já tem mais de 180 mil seguidores e fala diretamente para jovens e adolescentes sobre questões da mulher negra.

Do Ninja

Youtuber brasileira do canal Afros e Afins, fala sobre beleza, moda e empoderamento negro e feminino. Criou seu canal depois de perceber a falta de representatividade no próprio Youtube.

Aos 22 anos e cursando Ciências Sociais na Unifesp, ela é considerada uma digital influencer e tem inspirado meninas mais novas sobre feminismo e negritude. Tocando em assuntos delicados como racismo e silenciamento, conquista a atenção de jovens e adolescentes para temas não muito quistos.

“A minha maior motivação para criar o canal foi fazer com que pessoas ouçam o que eu não ouvi”. E Nátaly tem sido ouvida, seu canal já tem quase 180 mil seguidores, e segue crescendo com seus vídeos.

Ela é a prova de que “não nos calarão” e que o machismo será combatido com muita mina empoderada e feminista e, por isso, a Mídia NINJA tem a honra de apresentar Nátaly Neri como a nova colunista quinzenal.

VEM AÍ A REDE NINJA DE OPINIÃO!

A partir da próxima semana uma ampla frente de colunistas articulará e ocupará um espaço de opinião e inteligência coletiva de todas as regiões do Brasil e América Latina, reunindo lideranças sociais e políticas, personalidades e pensadores com o desafio de ampliar a visibilidade dos diferentes territórios, lugares de fala e repertórios no debate público, ampliando assim nosso próprio horizonte utópico.

Esta plataforma polifônica irá reunir textos, vídeos e áudios e estará ao alcance de todos os que buscam saídas para as crises e a rearticulação do campo progressista, afirmando sempre nosso mais radical compromisso com a democracia, a diversidade e os direitos humanos.

+ sobre o tema

A namorada negra de alguém

Aos seis anos de idade ela não servia para...

Mulheres negras são hoje maior grupo nas universidades públicas do país

Discriminadas no mercado de trabalho, as mulheres negras tiveram uma série de...

Maioria das mulheres que denunciam violência é negra, casada e tem entre 20 e 40 anos

A maioria das mulheres que buscaram a Central de...

para lembrar

O uniforme branco das babás é coisa nossa.

Há alguns meses o caso de babás sem uniforme...

Serena Williams ensina importante tradição africana à filha

Seguida por mais de 11 milhões de pessoas nas...

Das coisas boas e belas que nascem na favela

A possibilidade de ver o belo é sempre um...
spot_imgspot_img

Negra Li mostra fantasia deslumbrante para desfile da Vai-Vai em SP: ‘Muita emoção’

A escola de samba Vai-Vai está de volta ao Grupo Especial para o Carnaval 2024, no Sambódromo do Anhembi, em São Paulo, neste sábado...

Livro põe mulheres no século 20 de frente com questões do século 21

Vilma Piedade não gosta de ser chamada de ativista. Professora da UFRJ (Universidade Federal do Rio de Janeiro) e uma das organizadoras do livro "Nós…...

“O Itamaraty me deu uma bofetada”, diz embaixadora Isabel Heyvaert

Com 47 anos dedicados à carreira diplomática, a embaixadora Isabel Cristina de Azevedo Heyvaert não esconde a frustração. Ministra de segunda classe, ela se...
-+=