Fundação Palmares será instalada no Maranhão até o fim do ano

A Fundação Cultural Palmares, órgão ligado ao Ministério da Cultura, pretende instalar uma representação no estado do Maranhão. O objetivo foi discutido na manhã desta terça-feira (2), em reunião entre a secretária de Igualdade Racial, Claudett Ribeiro, o presidente da Fundação Cultural Palmares, Eloi Ferreira de Araújo e Amarildo Baesso, coordenador geral de Gestão Interna do Palmares.

Segundo Eloi Ferreira, a comunidade quilombola no estado é uma das maiores do país e é importante a instalação do Palmares para efetivar políticas públicas voltadas aos negros. “O Maranhão possui mais de 400 comunidades quilombolas certificadas. Nós pretendemos estabelecer diálogo com a comunidade quilombola, por meio da parceria entre o governo federal e estadual”.

Os estados de Alagoas, Bahia e Rio de Janeiro são os únicos em todo o país que possuem representantes da fundação e a vinda do Palmares ao Maranhão vem para dar uma atenção especial ao estado, rico em cultura e população afro descendentes. “A comunidade do Maranhão reivindica há algum tempo a instalação de uma representação da fundação no estado”. A previsão é que até o fim do ano a Fundação Palmares esteja efetivamente presente no estado.

Duas diretrizes foram traçadas para nortear as ações da Fundação Palmares, são elas: a erradicação da miséria e do analfabetismo, propostas empreendidas pelo governo Dilma Rousseff.

Para Claudett Ribeiro, a reunião é importante para apresentar as ações da Secretaria Extraordinária de Igualdade Racial e para fortalecer a parceria entre os governos federal e estadual. “O Maranhão ter um parceiro como a fundação Palmares nas ações voltadas às políticas públicas de igualdade racial, nós dá a certeza de alterar a qualidade de vida dos negros no estado”, afirmou.

Ainda durante o encontro, Claudett apresentou uma síntese das ações desenvolvidas pela Seir no primeiro semestre deste ano. A secretária entregou ao presidente da Palmares uma proposta para a formalização de um Acordo de Cooperação Técnica visando ações integradas. “Esperamos apoio para a regularização fundiária das comunidades quilombolas, além de recursos para outras atividades”, revelou.

Palmares

A Fundação Cultural Palmares é uma instituição pública vinculada ao Ministério da Cultura que tem a finalidade de promover e preservar a cultura afro-brasileira. Preocupada com a igualdade racial e com a valorização das manifestações de matriz africana, a Palmares formula e implanta políticas públicas que potencializam a participação da população negra brasileira nos processos de desenvolvimento do País.

Fonte: Jornal Pequeno

+ sobre o tema

Vígilia pela libertação dos jovens angolanos pró-democracia

O escritor José Eduardo Agualusa e várias associações convocaram...

Domício da Gama: Primeiro diplomata negro da República

Nome completo Domício Afonso Forneiro Nascimento 23 de outubro...

Juliana Alves encerra desfile das campeãs com ferimentos no corpo

A rainha de bateria da escola campeã do Carnaval 2014 deu...

Quilombolas são foco de acordo entre a Seppir e o Maranhão

Cooperação será firmada nesta quarta-feira (04), às 10h, no...

para lembrar

Serena é tenista com maior número de ‘Grand Slams’ após vencer a irmã Venus

Serena, aos 35 anos, a número dois mundial, conquistou...

Donald Glover lança disco surpresa com nomes como Ariana Grande

Donald Glover lança disco surpresa: "Donald Glover Presents" é...

População mundial se aproximará dos 10 bilhões em 2050, diz estudo

A população mundial alcançará 9,731 bilhões de habitantes...
spot_imgspot_img

Flávia Souza, titular do Fórum de Mulheres do Hip Hop, estreia na direção de espetáculo infantil antirracista 

Após mais de vinte anos de carreira, com diversos prêmios e monções no teatro, dança e música, a multiartista e ativista cultural, Flávia Souza estreia na...

Segundo documentário sobre Luiz Melodia disseca com precisão o coração indomado, rebelde e livre do artista

Resenha de documentário musical da 16ª edição do festival In-Edit Brasil Título: Luiz Melodia – No coração do Brasil Direção: Alessandra Dorgan Roteiro: Alessandra Dorgan, Patricia Palumbo e Joaquim Castro (com colaboração de Raul Perez) a partir...

Estou aposentada, diz Rihanna em frase estampada na camiseta

"Estou aposentada", é a frase estampada na camiseta azul que Rihanna, 36, vestia na última quinta-feira (6), em Nova York. Pode ter sido uma brincadeira, mas...
-+=