Fusão da Disney com a Fox derruba Channing Dungey, maior executiva negra da TV americana

Channing Dungey, ex-presidente de entretenimento da ABC, deixou o cargo por causa de fusão – Imagem – TV UOL

No UOLTV

A fusão da Disney com a Fox ainda nem foi finalizada, mas já fez sua primeira vítima na TV americana. Channing Dungey, presidente de entretenimento da rede ABC, anunciou que está deixando o seu cargo. Ela fez história no entretenimento ao se tornar a primeira mulher negra a ocupar um cargo de chefia nas quatro maiores emissoras dos EUA.

Channing pediu demissão na sexta-feira (16), antes mesmo de completar três anos no cargo _ela assumiu seu posto em fevereiro de 2016. Será substituída por Karey Burke, executiva que ocupava a direção de programação do canal Freeform, braço da ABC na TV paga.

Apesar da posição de destaque na rede, Karey terá que responder à executiva Dana Walden, atual presidente da Fox Television Group, que será encampada pela Disney. Dana supervisionará as operações da ABC, do Freeform, e do estúdio de televisão da ABC, que produz boa parte das séries da rede.

A revista Variety aponta que a questão da hierarquia foi um dos fatores que levou Channing a desistir de seu posto _segundo pessoas próximas à presidente, apesar de admirar Dana Walden, ela não achou justo ter de prestar contas a alguém que está chegando agora à empresa.

A saída de Channing pegou a equipe de entretenimento da ABC de surpresa. Ela era muito querida e também foi responsável por alguns dos grandes sucessos da rede nos últimos anos. Quando chefiou o departamento de séries dramáticas, desenvolveu fenômenos como Scandal (2012-2018) e How to Get Away with Murder.

Promovida à presidência, foi responsável por decisões difíceis, mas elogiadas, como o cancelamento imediato da comédia Roseanne logo após a protagonista, Roseanne Barr, fazer comentários racistas no Twitter. O fim da série foi determinado apesar de ela ser a maior audiência da temporada 2017-2018.

Channing Dungey não revelou qual será o seu próximo passo. Como ela desenvolveu uma boa relação com a superprodutora Shonda Rhimes, a Variety especula que ela pode acompanhar a colega em seu contrato milionário com a Netflix.

Em comunicado divulgado à imprensa, a executiva apenas agradeceu à equipe com que trabalhou. “Tenho muito orgulho de tudo o que conseguimos nos últimos anos. Esse cargo foi o ponto alto da minha carreira. Eu amei cada minuto, mas estou empolgada para encarar novos desafios”, disse.

+ sobre o tema

Assim falou Luiza Bairros

Nascida em 1953, a gaúcha de Porto Alegre Luiza...

Mortes de mulheres negras aumentam 54% em dez anos

A violência contra as mulheres brancas diminuiu, mas contra...

“Queremos representatividade para além do comercial de xampu”

A blogueira Rosangela J. Silva é nossa primeira entrevistada...

Por que o ativismo das mulheres negras incomoda tanto?

Seja no mercado de trabalho ou cultura, a luta...

para lembrar

Beyoncé canta Tina Turner em espetáculo futurista da nova turnê ‘Renaissance’

Numa performance brilhante, Beyoncé fez o primeiro de seus cinco shows...

A presença de uma Juíza Negra no STF é uma questão de coerência, reparação histórica e justiça

A Constituição Federal, estabelece como objetivo da República Federativa...

A Lei do Ato Médico é mais proteção para a saúde do povo – Por: Fátima Oliveira

"A Lei do Ato Médico, como outras regulamentações de...
spot_imgspot_img

Negra Li mostra fantasia deslumbrante para desfile da Vai-Vai em SP: ‘Muita emoção’

A escola de samba Vai-Vai está de volta ao Grupo Especial para o Carnaval 2024, no Sambódromo do Anhembi, em São Paulo, neste sábado...

Livro põe mulheres no século 20 de frente com questões do século 21

Vilma Piedade não gosta de ser chamada de ativista. Professora da UFRJ (Universidade Federal do Rio de Janeiro) e uma das organizadoras do livro "Nós…...

“O Itamaraty me deu uma bofetada”, diz embaixadora Isabel Heyvaert

Com 47 anos dedicados à carreira diplomática, a embaixadora Isabel Cristina de Azevedo Heyvaert não esconde a frustração. Ministra de segunda classe, ela se...
-+=