Guarulhos terá o Serviço SOS Racismo

Foi publicada na última sexta-feira (12) no Diário Oficial do Município a Lei Municipal 7309/14, de autoria do Legislativo, que institui o Serviço SOS Racismo. Baseado no Estatuto da Igualdade Racial (Lei Federal nº 12.288/2010), na Lei Estadual nº 14187/2010 e na Lei Federal 7716/1989, o serviço SOS Racismo atenderá as vítimas de discriminação étnico-racial, religiosa ou intolerância correlata.

O serviço contará com atendimento social e psicológico, encaminhamento jurídico e acompanhamento do caso, podendo em caso público configurar abertura de processo administrativo nos termos da Lei nº 14.187/2010. A responsabilização do autor e a reparação dos danos causados à vítima que sofreu a discriminação é o que se procura com a institucionalização do serviço SOS Racismo.

Edna Roland, coordenadora da Igualdade Racial de Guarulhos, reconhece que o Legislativo aprovando o projeto de lei que foi sancionado pelo prefeito, feito em parceria com a Coordenadoria de Igualdade Racial, cumpriu um papel fundamental na garantia de direitos por uma sociedade com mais igualdade.

A responsável pelo serviço será a Coordenadoria de Igualdade Racial, em articulação com a Comissão Técnica Permanente de Direitos Humanos, Cidadania, Habitação, Assistência Social e Igualdade Racial da Câmara Municipal.

 

Fonte: Prefeitura de Guarulhos

+ sobre o tema

Disque Racismo será lançado em março

O Governo do Distrito Federal, por meio da Secretaria...

Racismo na Internet: Como denunciar?

O crime impera no país como algo normal. Essa...

Rio inaugura delegacia especializada em combater crimes raciais e de intolerância

No evento, a campanha "Liberte Nosso Sagrado" cobrou a...

para lembrar

Impedida de entrar em loja, delegada negra faz denúncia de racismo

A delegada Ana Paula Barroso foi impedida de entrar...

Vereadora alvo de ofensa racista: ‘Disseram que era liberdade de expressão’

Em entrevista ao UOL News, a vereadora Paolla Miguel (PT-SP)...
spot_imgspot_img

STF volta a proibir a apreensão de menores sem o devido flagrante nas praias do Rio

Após audiência realizada na manhã desta quarta-feira, em Brasília, o STF determinou que o Estado do Rio de Janeiro e o município do Rio se abstenham de apreender e...

Adolescente denuncia mulher por agressão e injúria racial em Rio Preto

Um adolescente de 13 anos denunciou ter sofrido injúria racial e ter sido esganado por uma mulher após discutir com o genro dela, em São...

Protocolo negro

Quem é negro costuma cumprir um protocolo ao colocar o pé na rua. Inclui jamais sair sem um documento; não ir ao supermercado com...
-+=