História de casal inter-racial de filme “Loving” ainda ecoa hoje, diz elenco

A história contada em “Loving”, filme baseado na vida de um casal inter-racial que foi condenado à prisão por se casar nos Estados Unidos dos anos 1950, ainda ecoa hoje, disseram integrantes do elenco na estreia norte-americana da produção, que aconteceu na quinta-feira.

Do Yahoo 

O filme se concentra na história de Richard Loving, um branco, e Mildred Loving, uma negra, que deixaram seu lar no Estado da Virgínia, onde o casamento entre pessoas de raças diferentes era ilegal, para se casar em Washington, em 1958.

mildred-and-richard-loving

Ao voltarem para casa, eles primeiro foram sentenciados à prisão e então banidos. O casal voltou para Washington, mas teve dificuldade para se adaptar à vida na capital e mais tarde abriu um processo contra o governo da Virgínia. O veredicto da Suprema Corte em 1967, que pôs fim a seu caso, legalizou o casamento inter-racial em todo o país.

“Dois seres humanos fazendo algo juntos em um espaço particular que não é ameaçador e não é destrutivo, e ainda assim não podem fazê-lo”, disse o ator australiano Joel Edgerton na estreia, comentando um debate sobre o casamento homossexual em sua terra natal.

loving-movie-2

“Na verdade não é um filme de época. É um filme que tem muito a ver com o presente.”

A produção foi muito aclamada nos festivais de cinema de Cannes e Toronto neste ano e já está cotada para o Oscar. O diretor norte-americano Jeff Nichols, conhecido por “Amor Bandido”, de 2012, e o ator e produtor britânico Colin Firth estavam no tapete vermelho em Los Angeles.

+ sobre o tema

Supremocracia desafiada

Temos testemunhado uma crescente tensão entre o Poder Legislativo...

Na USP, professor deixa legado de R$ 25 milhões – e um recado às elites

Stelio Marras é professor e pesquisador do Instituto de Estudos...

Prefeitura de SP omite de Moraes caso de mulher que teve aborto negado por falta de profissionais

Ao menos uma mulher teve o procedimento de aborto legal negado...

Jovem é preso com centenas de símbolos neonazistas no centro de SP

A Polícia Civil de São Paulo apreendeu nesta quarta-feira (26) centenas...

para lembrar

Mauro Santayana: A face esmagada do morto pobre e a sina do menino rico

por Mauro Santayana O episódio trágico, do atropelamento e...

Bolsa Família deveria ser direito constitucionalizado, defende socióloga

Para autora do livro Vozes do Bolsa Família, programa...

Secretário do Tesouro norte-americano diz que país vai honrar dívida

  Brasília - O secretário de Estado do Tesouro norte-americano...

Coisas de um país não preconceituoso

Por Daniel Campos Em 2003, a juíza...

Porte de maconha para uso pessoal: entenda como fica a proposta em análise no Congresso após a decisão do STF

O Supremo Tribunal Federal (STF) deve concluir, nesta quarta-feira (26), o julgamento sobre o porte de maconha para consumo individual. Nesta terça, o plenário formou...

STF retoma julgamento sobre descriminalização de maconha

O Supremo Tribunal Federal (STF) retoma nesta terça-feira (25) o julgamento sobre a descriminalização do porte de maconha para uso pessoal. A sessão está...

Deputadas do PSOL entram na Justiça para suspender censura a livro sobre mulheres na ciência

As deputadas Fernanda Melchionna (PSOL-RS) e Sâmia Bomfim (PSOL-SP) entraram com uma representação na Procuradoria de São Paulo contra a prefeitura de São José dos Campos pela censura ao livro "Meninas...
-+=