segunda-feira, junho 1, 2020

    Tag: Filme

    Reprodução/Netflix

    Dias sem Fim (All Day and a Night)

    Recentemente estreou na Netflix o Filme de Joe Robert Cole, All Day and a Night, traduzido para o Brasil como Dias Sem Fim. O filme narra a história da vida de Jahkor Abraham Lincoln e como as teias do racismo estrutural o levaram a ser condenado à prisão perpétua, por matar um homem e sua namorada. É muito importante que você entenda que eu acredito que ninguém nesse mundo deve possuir o poder de roubar o direito de vida de outra pessoa. E a minha pergunta é quantas pessoas pretas as autoridades têm matado a sangue frio ou descaradamente em seus falhos sistemas estruturais enquanto você lê essa frase? Estamos vivendo uma pandemia e segundo o Google Notícias são cerca de 12.000 mortos no Brasil e sabemos muito bem a cor dessas mortes, entretanto a pessoa que representa a maior autoridade no país banaliza a situação e coloca em risco ...

    Leia mais
    Seu Jorge como Marighella no filme de Wagner Moura Foto: Ariela Bueno / Divulgação

    Estreia de filme sobre Marighella no Brasil é cancelada

    O longa, que chegaria aos cinemas em 20 de novembro, não cumpriu 'trâmites exigidos pela Ancine'. Produtores dizem que seguirão tentando lançamento no país Por Eduardo F. Filho, do  Veja   Seu Jorge como Marighella no filme de Wagner Moura (Foto: Ariela Bueno / Divulgação)   A produtora de Marighella, O2 Filmes, anunciou, em nota enviada a VEJA, que a estreia do filme está cancelada no Brasil. A cinebiografia do guerrilheiro baiano Carlos Marighella chegaria aos cinemas brasileiros em 20 de novembro, data da consciência negra e no mês dos 50 anos de sua morte. “Nós, produtores do longa-metragem Marighella, dirigido por Wagner Moura, anunciamos que a data de lançamento do filme nos cinemas brasileiros, divulgada anteriormente para 20 de novembro de 2019, está cancelada”, diz a declaração. Segundo o comunicado, a produção não “conseguiu atender os trâmites da Agência Nacional do Cinema (Ancine)”. Primeiro filme dirigido ...

    Leia mais
    Imagem- Frederic J. BROWN : AFP

    “Pantera Negra” vence prêmio principal do SAG Awards

    O filme "Pantera Negra" foi o vencedor da principal categoria do SAG Awards, prêmio do Sindicato de Atores de Hollywood, neste domingo (28). por Maurício Dehò no UOL Imagem- Frederic J. BROWN : AFP "Pantera Negra", o longa da Marvel ficou com o prêmio de melhor elenco de filme --o mais importante da noite-- e ainda foi o único a ganhar duas estatuetas, faturando também a de melhor elenco de dublês. Outro destaque da noite foi Rami Malek, ao ficar com o prêmio de melhor ator por sua performance como Freddie Mercury em "Bohemian Rhapsody". Glenn Close foi escolhida a melhor atriz, por "A Esposa". Leia também: O que levou “Pantera Negra” a receber sete indicações ao Oscar 2019 Com sua saga de super-heróis, "Pantera Negra" também está na disputa pelo Oscar de melhor filme. O filme, que arrecadou US$ 1,34 bilhão no mundo todo, se destacou por abrir espaço para a diversidade ...

    Leia mais
    blank

    Além do Espelho – Um filme de Ana Flauzina

    O encontro das vozes de duas das mais importantes referências da resistência negra contemporânea. por Brado Negro, do Catarse O projeto Por que? Além do Espelho foi feito com o intuito de apresentar ao público importantes questões em torno da questão racial no Brasil e nos Estados Unidos. Queremos aproximar realidades, complexificar discussões e inspirar mudanças através de um instrumento pedagógico instigante e provocador. O filme nasceu da vontade da diretora, Ana Flauzina, de registrar e apresentar ao mundo as conexões do pensamento ativista negro. Foi todo produzido e filmado com recursos próprios e com o apoio de uma equipe que se apaixonou pelo projeto e pelos protagonistas. Como Foram 4 entrevistas, 2 com Edson Cardoso no Brasil e 2 com Haile Gerima nos Estados Unidos, que resultaram em mais de cinco horas de filmagem. O material foi todo transcrito e a edição foi feita de forma a dar ao filme o tom dos personagens, contando com a seriedade e a ternura próprios daqueles que tem como missão de vida a transformação das ...

    Leia mais
    PARIS, FRANCE - MARCH 05: (L-R) Actress Lea Seydoux, Margot Robbie, singer Rihanna, actresses Lupita Nyong'o and Elizabeth Olsen attend the Miu Miu show as part of the Paris Fashion Week Womenswear Fall/Winter 2014-2015 on March 5, 2014 in Paris, France. (Photo by Pascal Le Segretain/Getty Images)

    Rihanna e Lupita vão estrelar filme na Netflix inspirado numa fanfic do Twitter!

    Socorro! Esse filme já é um dos mais incríveis de todos, hahahaha! Segundo a Entertainment Weekly, a Netflix vai fazer um filme estrelado por Rihanna e Lupita Nyong’o, com direção de Ava DuVernay, de “Selma”! Por Giulia Covre Do Papel Pop Só que a história não é tão simples assim. A idéia de um filme com as duas surgiu no Tumblr há alguns anos e recentemente gerou um tuíte feito em abril deste ano, a partir de uma foto da cantora e da atriz num desfile de moda em 2014. Se liga na idéia:   Rihanna looks like she scams rich white men and lupita is the computer smart best friend that helps plan the scans https://t.co/PhWs1xd3nj — WHOOPHERASSKOURTNI (@1800SADGAL) 18 de abril de 2017 “Parece que a Rihanna dá golpe em homens ricos e brancos, e Lupita é a melhor amiga que manja de computadores e a ajuda a planejar ...

    Leia mais
    blank

    “O Estado cria a ilusão de que, se você é pobre, a culpa é sua”

    Aos 80 anos, cineasta inglês estreia ‘Eu, Daniel Blake’, o filme que lhe rendeu a segunda Palma de Ouro Por PABLO GUIMÓN, do El Pais  O filme Eu, Daniel Blake, que estreia nesta quinta-feira nos cinemas do Brasil, é a história de um homem bom abandonado por um sistema mau. Um trabalhador honrado sofre um ataque do coração que o condena ao repouso. Sem renda, solicita apoio do Estado e se vê enroscado em uma cruel espiral burocrática. Esperas absurdas ao telefone, entrevistas humilhantes, formulários estúpidos, funcionários desprovidos de empatia por causa do sistema. Kafka nos anos de austeridade. Nessa espiral desumanizadora Daniel encontra Katie, mãe solteira de dois filhos, obrigada a se mudar para Newcastle porque o sistema diz que não há lugar para alojá-los em Londres, uma cidade com 10.000 moradias vazias. Daniel se torna um pai para Katie e um avô para as crianças. A humanidade que demonstram ...

    Leia mais
    blank

    O que podemos aprender com o filme “Estrelas além do tempo”

    Com que propósito você levanta todos os dias? "Estrelas Além do Tempo" conta a história de superação de três personagens, através de uma interessante comédia dramática, que desejam levar o homem ao espaço e transformaram a história dos Estados Unidos. Por Felipe Andriolo, do Administradores  O filme Estrelas Além do Tempo, baseado no livro Hidden Figures, retrata a história de três mulheres negras na década de 60, trabalhando no centro específico de matemática da NASA. Elas possuem um desejo enorme de ajudar os Estados Unidos na corrida espacial contra a Rússia e não medem esforços para superar os obstáculos que aparecem diariamente. A lição central da história é a quebra de barreiras contra o preconceito racial e o preconceito contra as mulheres. Vamos entender como cada uma demonstra suas habilidades no decorrer do filme. Katherine Johnson é uma matemática brilhante, trabalha como um dos computadores humanos da NASA. Pela precisão em ...

    Leia mais
    blank

    ‘Selma’ gabarita estudo sobre veracidade de filmes históricos

    Filmes inspirados em histórias e personagens reais costumam causar controvérsia ao alterar fatos por liberdade narrativa, ferramente que tenta tornar a trama mais interessante, ou ajuda a condensá-la no período de duas horas de um longa-metragem. O site especializado em infográficos Information is Beautiful analisou 14 filmes baseados em fatos e que foram indicados a grandes prêmios do cinema, como o Oscar, nesta década. No HUFFPOST BRASIL  Os eventos retratados foram analisados, cena a cena, em comparação com o que realmente aconteceu, e divididos em cinco categorias: verdade, próximo da verdade, liberdade narrativa, falso e desconhecido. Selma – Uma Luta pela Igualdade, da diretora Ava DuVernay, foi considerado o mais historicamente correto dentro do grupo, com 100% dos fatos verificados. A trama acompanha a caminhada feita por Martin Luther King Jr. na cidade de Selma, nos Estados Unidos, em um ato pelos direitos civis dos negros. Já O Jogo da ...

    Leia mais
    blank

    História de casal inter-racial de filme “Loving” ainda ecoa hoje, diz elenco

    A história contada em "Loving", filme baseado na vida de um casal inter-racial que foi condenado à prisão por se casar nos Estados Unidos dos anos 1950, ainda ecoa hoje, disseram integrantes do elenco na estreia norte-americana da produção, que aconteceu na quinta-feira. Do Yahoo  O filme se concentra na história de Richard Loving, um branco, e Mildred Loving, uma negra, que deixaram seu lar no Estado da Virgínia, onde o casamento entre pessoas de raças diferentes era ilegal, para se casar em Washington, em 1958. Ao voltarem para casa, eles primeiro foram sentenciados à prisão e então banidos. O casal voltou para Washington, mas teve dificuldade para se adaptar à vida na capital e mais tarde abriu um processo contra o governo da Virgínia. O veredicto da Suprema Corte em 1967, que pôs fim a seu caso, legalizou o casamento inter-racial em todo o país. "Dois seres humanos fazendo ...

    Leia mais
    blank

    Filmes imperdíveis sobre mulheres negras e afetividade

    Esse ano a hashtag #OscarsoWhite bombou nas rede sociais levando a uma série de discussões nos E.U.A. sobre representatividade no cinema, meses antes Viola Davis no Emmy levantou a mesma bandeira, aplaudida de pé por atrizes negras como Taraji P. Henson e Kerry Washigton, todas as três com personagens importantes em séries populares pelo mundo todo. Surpreende, no entanto, que enquanto as mulheres negras começam a chegar na TV em um número expressivo, com personagens complexos e não-estereotipados; no cinema o mesmo não se repete. Do iamnotastereo. Nos E.U.A. uma parcela dos filmes que retratam o cenário contemporâneo pouco falam sobre mulheres em ocupações domésticas, como é o caso do Brasil onde a mulher negra só aparece retratada como empregada doméstica, babá, entre outros similares. No entanto, no cinema norte-americano a mulher negra recorrentemente é a figura divertida e “esquentada” - os filmes da Vovózona - , ou a figura que ...

    Leia mais
    blank

    Festival ECA de cinema exibe filmes gratuitos no Mês da Consciência Negra

    Ao todo, 21 filmes nacionais e estrangeiros estão no 2º Festival Internacional de Cinema Educa Claquete Ação (ECA), promovido pela Objetiva Produções Cinematográficas. A programação acontece entre 8 e 30 de novembro em vários pontos culturais da cidade de São Paulo (confira na caixa de serviço abaixo), tendo como foco a temática educativa. Todas as exibições têm entrada Catraca Livre. No Catraca Livre A abertura do evento, no sábado, dia 8, no CCBB, faz uma homenagem ao Mês da Consciência Negra e conta com a presença da atriz Zezeh Barbosa. Na ocasião será exibido o premiado curta "O Xadrez das Cores", de Marco Schiavon,  que traz uma história densa sobre discriminação racial, que se desenvolve como um jogo de xadrez. Entre os filmes que fazem parte da programação, Meu Amigo Nietzsche conta a história de um garoto que encontra um livro do filósofo alemão Friedrich Nietzsche, que faz uma mudança radical em sua ...

    Leia mais
    blank

    Com protagonista de Todo Mundo Odeia o Chris, comédia satírica sobre racismo ganha novo trailer

    João Vitor Figueira O filme independente Dear White People ganhou um novo trailer e é no melhor estilo "dedo na ferida" que começa o vídeo: "Queridas pessoas brancas, sair com um negro só para irritar seus pais é uma forma de racismo". A comédia satírica conta a históra de quatro estudantes afro-americanos de uma universidade particular que se revoltam quando um grupo de alunos brancos decide fazer uma festa temática onde os participantes devem se vestir como seguindo estereótipos associados aos negros. Justin Simien, diretor e roteirista do filme, disse ter se inspirado em sua própria experiência na faculdade para fazer o filme. "Meu filme não é sobre racismo branco ou racismo em geral. Meu filme é sobre identidade. É sobre a diferença entre como a cultura de massa reage a uma pessoa por causa de sua raça e como essa pessoa compreende sua maneira de ser", disse Simien em entrevista ao ...

    Leia mais
    blank

    Alex Melo, ator negro brasileiro, protagoniza filme na Alemanha

    Munique/Alemanha - Depois de protagonizar peça teatral e Filme inspirados na vida do pintor americano Basquiat, e participar do elenco de “Der 8. Kontinent“, produção alemã dirigida por Serdar Dogan, o ator brasileiro radicado na Alemanha, Alex Mello, será o principal protagonista do longa “Retorno”, produção alemã dirigida pelos cineastas Jörg Kobel e René Harder. As filmagens estão sendo finalizadas e o lançamento deverá acontecer ainda este ano. O filme baseado em fatos reais, é inspirado no livro "Nur die Edelsteine Kommen aus Brasilien" ("Somente as Pedras preciosas vêm do Brasil”, na tradução livre do alemão para o português) da jornalista Adriana Nunes. No livro, a autora traça o perfil de 31 brasileiros, que optaram por viver na Alemanha por motivos diversos. No elenco, atores de diversas nacionalidades, inclusive do Brasil, destacando-se as participações especiais de Solange Couto e do ator J.P. Rufino, eleito melhor ator mirim no Prêmio "Melhores do Ano", da ...

    Leia mais
    blank

    Trailer de comédia indie protesta contra racismo cordial americano

    By: Wilson Vianna A Lionsgate divulgou o primeiro trailer completo da comédia “Dear White People”, que ganhou um prêmio especial no Festival de Sundance deste ano. A prévia traz Tessa Thompson (série “Copper”) promovendo discussões raciais em sua universidade, ao questionar a visão equivocada e o racismo cordial de seus colegas brancos. O vídeo mostra como a discussão evolui, ao apresentar diversos lados da questão, inclusive o ponto levantado por uma personagem de que os jovens brancos gastam uma fortuna para usar roupas e ouvir músicas que os tornem mais negros. Baseado em um feed do Twitter com o mesmo nome, o filme acompanha estudantes universitários negros que se revoltam ao descobrirem que uma tradicional festa afroamericana é organizada por estudantes brancos. O elenco é formado ainda por Tyler James Williams (série “Todo Mundo Odeia o Chris”), Teyonah Parris (série “Mad Men”), Brandon P. Bell (série “Hollywood Heights”), Kyle Gallner (“A ...

    Leia mais

    Últimas Postagens

    Artigos mais vistos (7dias)

    Instagram

    Twitter

    Facebook

    Welcome Back!

    Login to your account below

    Create New Account!

    Fill the forms bellow to register

    Retrieve your password

    Please enter your username or email address to reset your password.

    Add New Playlist