quinta-feira, janeiro 26, 2023
InícioDiscriminação e PreconceitosCasos de PreconceitoHomem é agredido em bar na Região Centro-Sul de BH e denuncia...

Homem é agredido em bar na Região Centro-Sul de BH e denuncia homofobia

Vitimas foram atacadas fisicamente e verbalmente; uma pessoa foi conduzida.

Dois homens foram agredidos por serem homossexuais em um bar no bairro Cruzeiro, na Região Centro-Sul de Belo Horizonte, na última quarta-feira (2).

De acordo com o boletim de ocorrência, registrado como lesão corporal e injúria, uma das vítimas relatou que foi abordada por dois homens ao sair do banheiro. Os homens começaram a chamá-lo de “veadinho”, “gay” e “boiola” e disseram que aquele local não era para ele.

Ainda segundo o BO, após as ofensas e xingamentos, um dos homens passou a agredir a vítima, que foi submetida a uma sequência de chutes e socos, mesmo caída no chão.

A vítima também foi atingida com uma garrafa de vidro, que causou um ferimento na região da cabeça.

Outra vítima, um advogado de 32 anos, disse que presenciou as agressões e ofensas, que também foram direcionadas a ele. Diziam, segundo ele, que “aquele local não era lugar deles”.

Segundo o advogado, um grupo agrediu a primeira vítima e, posteriormente, a briga generalizada foi apartada por várias pessoas”.

A vítima agredida fisicamente foi encaminhada para a UPA Centro-Sul, onde foi atendida e liberada. Um dos agressores foi conduzido, e o outro fugiu do local antes da chegada da polícia.

O que diz a Polícia Civil

“Sobre os fatos registrados na quarta-feira (2/11), no bairro Cruzeiro, na capital, a Polícia Civil de Minas Gerais (PCMG) informa que o suspeito, de 23 anos, foi conduzido à Central Estadual do Plantão Digital, onde foi ouvido pela Autoridade Policial e autuado em flagrante pelo crime de lesão corporal . Após pagamento de fiança, ele foi liberado. As investigações prosseguem.”

O que diz o estabelecimento

“Lamentamos profundamente o ocorrido na noite da última quarta-feira(2), e prontamente nos colocamos à disposição das autoridades para contribuir com as investigações. Prezamos e acolhemos a diversidade, não tolerando qualquer tipo de discriminação em nosso espaço”

Artigos Relacionados
-+=
PortugueseEnglishSpanishGermanFrench