Guest Post »
II Edital Gestão Escolar para a Equidade – Juventude Negra

II Edital Gestão Escolar para a Equidade – Juventude Negra

Vários estudos mostram que há resultados educacionais significativamente piores entre os jovens negros e as jovens negras quando comparados aos de brancos e brancas. Em 2010, a porcentagem de jovens de 15 a 17 anos cursando o Ensino Médio era de 55% entre os brancos e 41% entre os negros (Censo/IBGE 2010). Entre os jovens de 18 e 19 anos, 47% dos brancos haviam concluído o Ensino Médio enquanto somente 29% dos negros finalizaram essa etapa (Censo/IBGE 2010).

Do Baoba

O II Edital Gestão Escolar para a Equidade – Juventude Negra visa contribuir para o desenvolvimento e a implementação de práticas inspiradoras de gestão escolar que busquem elevar os resultados educacionais dos jovens negros e negras na rede pública de Ensino Médio. O objetivo é identificar, reconhecer e acompanhar projetos com foco na gestão que se proponham a enfrentar de forma criativa as desigualdades raciais no ambiente escolar e promovam a melhoria da qualidade da educação dos jovens negros e negras.

Desenvolvido pelo Baobá – Fundo para Equidade Racial, pelo Instituto Unibanco e pela Universidade Federal de São Carlos (UFSCar), este edital é direcionado a escolas públicas de Ensino Médio e Organizações Sociais legalmente formalizadas com comprovada atuação na área da Educação e superação das desigualdades raciais.

Os projetos deverão privilegiar, de forma articulada, três eixos de ação:

1) Valorização da diversidade/diferenças (currículo, ações setoriais, etc.)

2) Combate às desigualdades (caminhando para a equidade: formação de professores, ações que visem a melhoria dos indicadores escolares de desempenho, como taxas de abandono, reprovação e frequência, e que a estimulem).

3) Estímulo ao protagonismo juvenil

Como responsável na escola pelo projeto, o gestor (ou grupo gestor) deve diagnosticar e dimensionar os aspectos existentes no ambiente escolar que incidam sobre a diversidade e, ao mesmo tempo, delinear no projeto proposições de enfrentamento das desigualdades raciais identificadas.

O edital selecionará 10 projetos, que receberão apoio financeiro de até R$ 35.000,00 (trinta e cinco mil reais) cada um, monitoramento do Fundo Baobá e avaliação da UFSCar durante seu desenvolvimento ao longo de 2017 em escolas públicas brasileiras.

Educação de qualidade é sinônimo de escolas diversas, equânimes e inclusivas, e que reconhecem na gestão escolar a grande liderança para integrar as ações que contribuam para isso.

As inscrições estão abertas até 30 de novembro. Clique aqui e inscreva-se agora mesmo!

Participe!

MANUAL DO EDITAL

Related posts