Manifestação contra Cunha em Belo Horizonte acaba com repressão policial e apreensão de dois manifestantes

Polícia machista, fora já!
A polícia está batendo em mulher!

Do Brasil Post 

Esses foram brados de manifestantes em ato contra o presidente da Câmara Federal,Eduardo Cunha (PMDB-RJ), em Belo Horizonte.

A marcha teve confusão entre policiais militares e manifestantes na Avenida Afonso Pena, no centro da capital mineira.

A PM admitiu ter usado força para “dominar” uma jovem que reagiu a prisão, segundo o site do Estado de Minas. Ela estaria tentando defender o namorado, que havia sido capturado, e também foi levada para a delegacia.

O vídeo mostra a indignação de quem assistiu à forma como ela foi detida pelos policiais:

Repressão policial machista no Ato Contra Cunha em BH. A truculenta PM de Pimentel prendeu de maneira arbitrária e com muita violência ativistas que participavam do ato.

Vejam a vídeo …

Compartilhem…

Posted by Marcha da Periferia BH on Sábado, 31 de outubro de 2015

A Polícia Militar informou que o manifestante apreendido estava batendo na lataria de um ônibus e desacatou a tropa. Os dois eram menores, segundo o jornal O Tempo, e por isso foram transferidos para o Juizado Especial Criminal.

Outro vídeo mostra PMs empurrando mulheres, na tentativa de conter os manifestantes. Um policial chega a apontar arma para quem protesta.

O tumulto começou porque manifestantes teriam ficado irritados com a tentativa da polícia de liberar faixas da Afonso Pena para o trânsito.

Mais de 200 participaram do protesto, informa o G1.

Protesto contra Cunha

As manifestantes repudiam o projeto de lei 5069/2013, apelidado de “PL do Aborto”,já aprovado pela Comissão de Constituição de Justiça da Câmara.

Segundo a proposta, a mulher só pode receber atendimento médico, após denúncia de estupro, se se submeter a exame de corpo de delito para comprovar a violência sexual.

O texto também dificulta acesso das mulheres à pílula do dia seguinte.

+ sobre o tema

Black Flower – o lado feminino do Afrobeat

Fela Kuti é considerado um dos mais importantes músicos...

A culpa do estupro é do estuprador

A culpa do estupro é do estuprador ...

Epistemicídio

Muitas são as razões que advêm de uma realidade...

para lembrar

Sessão solene lança campanha de combate à violência contra a mulher nesta quarta

O Congresso Nacional fará nesta quarta-feira (19) sessão solene...

Eu quero amor, não “Sexo e as Negas”

Sexo e as Negas foi um dos assuntos mais...

Mas então, por quê? – Por: Gabi Porfírio

"Você vai acabar solteira, sozinha, sem marido, igual a...

Ela criou primeiro fundo para direitos de mulheres e pessoas trans do país

A mexicana-nicaraguense Amália Fischer, 66 anos, chegou ao Brasil...
spot_imgspot_img

‘Abuso sexual em abrigos no RS é o que ocorre dentro de casa’, diz ministra

A ministra das Mulheres, Cida Gonçalves, considera que a violência sexual registrada contra mulheres nos abrigos que recebem desalojados pelas enchentes no Rio Grande...

ONU cobra Brasil por aborto legal após 12 mil meninas serem mães em 2023

Mais de 12,5 mil meninas entre 8 e 14 anos foram mães em 2023 no Brasil, num espelho da dimensão da violência contra meninas...

Após um ano e meio fechado, Museu da Diversidade Sexual anuncia reabertura para semana da Parada do Orgulho LGBT+ de SP

Depois de ser interditado para reformas por cerca de um ano e meio, o Museu da Diversidade Sexual, no Centro de São Paulo, vai reabrir...
-+=