Mico internacional: Embaixada da Itália desmente capa da Veja sobre Lula

Em sua mais recente manchete de capa, a revista inventou que o ex-presidente teria um “plano secreto” de pedir asilo à Itália como forma de evitar a prisão; embaixada do país europeu divulgou nota desmentindo todas as informações, inclusive a foto que foi utilizada

Da Revista Fórum 

Depois de ter inúmeras reportagens desmentidas por pessoas e empresas no Brasil, a revista Veja foi, nesta sexta-feira (25), acusada pela Embaixada da Itália de divulgar informações inverídicas.

A capa da revista divulgada nesta quinta-feira (24) trás a seguinte manchete: “O plano secreto de Lula para evitar a prisão: pedir asilo à Itália e deixar o Brasil”.

Na reportagem, os jornalistas da revista da editora Abril afirmam que o ex-presidente estaria conversando com diplomatas italianos pois sua família teria dupla cidadania no país, o que facilitaria o pedido de um asilo sob a alegação de perseguição política.

Não durou nem 24 horas para que a resposta da Embaixada, divulgada por meio de nota, viesse à tona.

Confira abaixo a nota traduzida:

“Em relação à matéria “O plano secreto” publicada na última edição da revista Veja, a Embaixada da Itália declara:

1. As informações referentes à Embaixada e às supostas conversas do Embaixador Raffaele Trombetta são inverídicas.

2. Relativamente ao evento no Palácio do Planalto, a pessoa destacada na fotografia e sentada em uma das primeiras fileiras não é o Embaixador Trombetta, como pode-se constatar facilmente. O Embaixador Trombetta estava sentado, junto a todos os demais embaixadores, no espaço reservado ao corpo diplomático.

3. Na conversa telefônica citada, foi dito ao jornalista que não se queria comentar fatos que, no que tange à Embaixada, eram e são totalmente inexistentes.”

 

+ sobre o tema

Preconceito racial, discriminação e racismo, distinções de letramento – Por Cidinha da Silva

Certos amigos, aborrecidos, perguntam-me se gosto de tudo em...

Pessimismo da mídia influiu na pesquisa Ibope

Pesquisa CNI/Ibope, divulgada nesta quinta (19), revelou, entre tantos...

Espaço Público recebe a ministra Luiza Bairros

Na pauta, as políticas de promoção para a igualdade...

para lembrar

Reflexão sobre o texto da Afropress e Luiza Bairros por Eduardo Santiago

REFLEXÕES SOBRE O TEXTO INTITULADO: Com avaliação de apagada,...

Até quando jornalistas como Merval serão financiados com dinheiro público?

por : Paulo Nogueira Uma das coisas essenciais que você...

Ministros recebem representantes da mídia negra brasileira

Evento discutiu, com representantes das mídias negras, formas de...

O racismo nosso de cada dia

Em 2012, ela ganhou o Prêmio Nacional de Jornalismo Abdias...
spot_imgspot_img

Portal Geledés recebe prêmio como imprensa negra brasileira

O que faz uma organização ser reconhecida como um canal de comunicação de destaque? Esta questão tem ocupado o pensamento da equipe do Portal...

Seletividade política apagou existência de afro-gaúchos e indígenas no RS

O dia 20 de setembro é a data mais importante do calendário cívico sul-rio-grandense. Ela faz alusão ao início da guerra civil que assolou...

Mvúka: Futuros Diversos através das vivências Negras

A ideia de uma realidade diversa de futuro para o povo negro brasileiro, se constrói a partir da interpretação crítica do passado e das...
-+=