Miss Rio Grande do Sul: finalista do concurso sofre ataques racistas nas redes sociais

Samen dos Santos, a representante de Tramandaí no Miss Rio Grande do Sul, foi alvo de ataques racistas no Instagram. A modelo se manifestou por meio do Instagram repudiando os ataques e comentários preconceituosos e afirmou já estar tomando as devidas providências.

Da Revista Donna 

Reprodução/Donna

Um dos comentários preconceituosos afirmava que ela “não representa a mulher gaúcha (que) é branca e linda, não negra”. Outro dizia: “Ela também não representa a beleza da mulher brasileira. Ela representa a Africa”. Um terceiro: “Falam que ela é linda só porque é negra e no Brasil (país afrocentrista) é quase uma obrigação achar que os negros são lindos sendo que a grande maioria deles são feios pra c…”.

A jovem de 26 anos afirmou ter bloqueado os perfis que lhe a atacaram e excluiu os comentários. E desabafou sobre já ter vivido episódios racistas como este outras vezes: “Eu consigo me blindar contra tudo de negativo que envolve o meu nome, simplesmente ignorando. Foram anos ouvindo e lendo os mais diversos absurdos, que acabei me tornando mais forte”, escreveu no Instagram.

Oii! Quem me conhece há algum tempo sabe o quanto eu sou avessa às polêmicas, mas me sinto na obrigação de esclarecer algumas coisas. Alguns de vocês devem saber que eu tenho uma trajetória em concursos e atualmente estou participando do Miss Rio Grande do Sul. Até então tudo bem. Nessas disputas, nós, as candidatas, estamos suscetíveis aos mais diversos comentários, e é aí que reside o problema. Particularmente, eu consigo me blindar contra tudo de negativo que envolve o meu nome, simplesmente ignorando. Foram anos ouvindo e lendo os mais diversos absurdos, que acabei me tornando mais forte. Mas decidi expor essa situação em razão das pessoas que gostam de mim e que se ofenderam muito com algo que foi comentado no meu instagram. Gente, eu não tenho a pretensão que todos gostem de mim ou que torçam para que eu seja a nova Miss Rio Grande do Sul. Eu estou disputando com meninas belíssimas e sei que todas têm os seus méritos e também as suas torcidas, sendo natural que cada um tenha a sua candidata preferida. O que não pode existir é a perversidade contra qualquer concorrente. Eu tenho notado que muita gente “confunde” opinião e à liberdade de expressão com discurso de ódio, destilando assim toda a sua raiva, preconceito, hostilidade e ofensas contra terceiros, mas isso está muito errado. Para essas pessoas, saibam que a atenção que ganharão de mim será somente essa, já que depois de printar eu sempre bloqueio e não dou atenção. Eu só espero que saibam que a utilização do fake pode esconder o nome e o rosto, mas não o IP. Digo isso porque as medidas necessárias já estão sendo tomadas. Ah, e peço desculpas pelo textão, mas eu quis esclarecer que a razão de eu bloquear essas pessoas é a intolerância e o preconceito, e não por simplesmente não torcerem por mim. #resiliencia #respeito #seguimos 👊🏿💪🏿 #embuscadeumsonho 🙏🏿👑👆🏿 #juntossomosmaisfortes ✊🏿 #missriograndedosulbeemotion #beemotion #missriograndedosulbeemotion #missrsbeemotion #missrs #missriograndedosul #missbrasilbeemotion #missbrasil #missuniverse #BandRS

Uma publicação compartilhada por ⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀SAMEN DOS SANTOS (@samendossantos) em

+ sobre o tema

A sua amiga negra

A eleição das deputadas Joacine Katar Moreira, Beatriz Gomes...

Racismo não.

Nesta semana me deparei com uma postagem muito...

Fratura do ar: as minhas memórias do São João

Nasci em Pouso Alegre, no estado de Minas Gerais,...

para lembrar

“É preciso descolonizar Portugal”

Num país de maioria branca os negros veem-se logo,...

Racismo, preconceito e ameaças de morte viram rotina em universidades públicas de São Paulo

Três ofensas graves foram registradas em um mês; especialista...

Os 18 mortos na manifestação da esquerda

Movimentos sociais homenageiam as vítimas da chacina de Osasco...

Cotas: 62% dos brasileiros aprovam

Pesquisa Ibope encomendada pelo Estadão revela que aprovação...
spot_imgspot_img

O arco-íris é verde-amarelo

Não é trivial que a Parada LGBTQIA+ de São Paulo tenha reunido milhões de pessoas vestindo as cores verde e amarelo. Fora a evidente importância de reivindicar...

Torcedor do Santos é condenado por racismo contra jogador que errou pênalti

A Justiça paulista condenou por injúria racial o torcedor Paulo Morales, que, no ano passado, ofendeu o jogador de futebol Bruno Mezenga, então atacante...

Racismo ambiental põe em risco práticas religiosas de matrizes africanas

A sociedade já sabe que a crise climática afeta a todas as pessoas, mas precisamos aprofundar nosso entendimento sobre a maneira racista pela qual ela atinge comunidades,...
-+=