Morre Joe Frazier, 1º pugilista a vencer Muhammad Ali

Ex-campeão mundial dos pesos pesados, pugilista entrou para a história ao ser o primeiro a vencer Muhammad Ali

Joe “Smokin” Frazier, ex-pugilista que conseguiu a façanha de derrubar a invencibilidade do lendário Muhammad Ali, não pôde vencer sua luta mais decisiva e morreu nesta segunda-feira aos 67 anos em consequência de um câncer no fígado.

O ex-campeão mundial dos pesos pesados e membro do Salão da Fama do Boxe, morreu na Filadélfia e nem teve a oportunidade de se defender, como sempre fazia nos ringues, da doença diagnosticada há apenas um mês. Um comunicado divulgado pela família confirmou que Frazier faleceu em um asilo onde estava internado depois que os médicos não lhe deram nenhuma esperança de sobrevivência.

Antes de descobrir o câncer, Frazier levava vida normal, com aparições regulares para dar autógrafos. A última vez que foi visto em público foi em setembro em Las Vegas. “Smokin” Joe, apesar de ser um pugilista baixo para os pesos pesados, compensou a falta de estatura com uma ferocidade que impressionava seus rivais.

Joe Frazier e Muhammed AliAlém disso, Frazier possuía um devastador gancho de esquerda que utilizava para terminar a maioria das lutas que ganhou nos primeiros assaltos. Foi exatamente o temível gancho de esquerda levou Ali à lona no décimo quinto assalto da luta que ambos disputaram no lendário Madison Square Garden, em Nova York, em 1971. A queda de Ali permitiu a Frazier comemorar a vitória de uma luta que foi considerada como o “Combate do Século”.

No entanto, Ali venceu os outros dois desafios entre os dois pugilistas. Aliás, a presença de Ali fez com que a figura de Frazier sempre ficasse em um segundo plano, algo que nunca agradou o ex-campeão mundial. Frazier soube da doença no mês passado e se internou várias vezes em um hospital da Filadélfia.

Até que na semana passada, já sem nenhuma esperança de superar o câncer, decidiu permanecer em um centro especializado para que passasse seus últimos dias sem dor. O pugilista ganhou o título de campeão do mundo dos pesos pesados em 1970 ao vencer por nocaute Jimmy Ellis no quinto assalto. “Smokin” Joe defendeu quatro vezes com sucesso o título até que foi finalmente vencido por George Foreman em 1973.

Fonte: IG

+ sobre o tema

A geração de intelectuais negros que as políticas afirmativas ajudaram a formar

Uma nova geração de intelectuais negros, que vem apresentando...

O lamento de não ser negro

Por Tim Adams Em 2005, o diretor Kevin Mcdonald...

para lembrar

Com 450 obras, mostra MASP-Tomie Ohtake exibe a linda herança cultural do povo africano

Museus e galerias são geralmente ambientados em um cubo...

Olinda abre inscrições para o Cena Brasil 2010

O festival pernambucano “Cena Brasil”, em sua sétima edição,...

Sou cidadão europeu e agora?

Ser um cidadão europeu é muito mais do...

Naira Lilian foi feirante e vira aposta das passarelas na SPFW: ‘venho de uma realidade diferente’

Logo em sua primeira temporada, Naira Lilian fechou exclusividade...
spot_imgspot_img

Diaspóricas 2: filme revela mundo futurista a partir do olhar de mulheres negras

Recém-lançado no Festival Internacional de Cinema e Vídeo Ambiental (FICA), em Goiás, no último dia 13 de junho, o filme “Diaspóricas 2” traz o protagonismo negro feminino e brasileiro...

Jay-Z e Alicia Keys apresentam ‘Empire State of Mind’ no Tony Awards de 2024

Jay-Ze Alicia Keys se uniram para apresentar o sucesso “Empire State of Mind” ao vivo no na cerimônia de premiação de 2024 do Tony Awards no último domingo,...

 Interprete da trilha sonora da novela Renascer, Xenia França participa do disco de José James

Vencedora do Grammy Latino de 2023 com seu disco "Em nome da Estrela" e intérprete da canção “Lua Soberana”, trilha sonora da novela Renascer...
-+=