quarta-feira, fevereiro 1, 2023
InícioSem categoriaMúsica e cultura negra invadem a capital paulista no mês de julho

Música e cultura negra invadem a capital paulista no mês de julho

Entre os dias 22 e 24 de julho ocorre na Arena Anhembi, em São Paulo, a primeira edição do Black Na Cena, festival que reúne nomes consagrados da black music, como George Clinton, O Baile do Simonal, Public Enemy, Racionais Mc’s, Redman, Thaíde e Xis, entre outros.

Os amantes da cultura e da música negra terão uma oportunidade única de vivenciar a experiência de participar do primeiro grande festival dedicado ao gênero já realizado no país: o Black Na Cena Music Festival. O evento acontece entre os dias 22 e 24 de julho, na Arena Anhembi, em São Paulo. Ícone da música negra, o fundador do Parliament-Funkadelic,George Clinton, assim como Public Enemy, Redman(em sua primeira visita ao Brasil) e atrações nacionais como Sandra de Sá, O Baile do SimonalMarcelo YukaXisThaídeRacionais Mc’s são os primeiros confirmados, de um total de 20 artistas. Na tenda, em paralelo, nove DJs renomados, como Grand Master Ney, farão o som ambiente.

Segundo Ricardo de Paula, diretor da Entre Produções, idealizadora e realizadora do Black Na Cena, o festival será referência no Brasil e na América Latina, pois vai contemplar os diversos ritmos que de alguma maneira sofrem influência da cultura negra, como o hip hop, rap, reggae, R&B, rock, samba rock, soul e v-funk. “Nosso objetivo é integrar artistas consagrados no Brasil e no mundo. Com isso atraímos um público eclético, por meio de uma programação dirigida aos mais diferentes setores musicais e culturais, bem como nas diversas camadas sociais e etárias”, afirma.

Os artistas confirmados mais do que abraçaram a causa. George Clinton, por exemplo, que é referência musical para diversos nomes da nova geração, irá completar 70 anos exatamente no dia 22 de julho enquanto estará no palco, com o público brasileiro. “O Brasil, assim como os EUA, é um dos países que mais foram influenciados pela cultura afro. Será um prazer dividir esse momento tão especial com esse público”, afirma o cantor. Para o rapper Thaíde, o festival só vem confirmar a importância da cultura negra na música brasileira. “O Brasil produz todo o tipo de música do mundo, mas ninguém consegue reproduzir o nosso som. Isso torna a nossa música especial e nunca um festival deu igual importância às atrações nacionais e internacionais”, destaca.

Com expectativa de reunir 60 mil pessoas nos três dias de evento, o Black Na Cena contará ainda com encontro de lowriders, perfomance ao vivo de grafiteiros e de B-Boys.

A primeira cota de ingressos começa a ser vendida a partir de amanhã, com preços promocionais de R$ 50 (meia entrada) e R$ 100 (inteira). Os interessados podem adquirir pela internet no site www.zetks.com e nos pontos de venda instalados no cursinho da Poli, nos bairros da Lapa (Av. Ermano Marchetti, 576), Itaquera (Rua Sabbado D´Angelo, 2078) e Santo Amaro (Rua Desembargador Bandeira de Mello, 468).

Programação

Sexta-feira (22/7) – das 20h às 4h

Estilo: Clássico

George Clinton, fundador do Parliament-Funkadelic

Sandra de Sá

O Baile do Simonal

Sábado (23/7) – 14h às 4h

Estilo: Pop

Public Enemy

Marcelo Yuka

Xis

Domingo (24/7) – 14h às 22h

Estilo: Rap

Redman

Thaíde

Racionais MCs

 

Em breve, novos artistas serão confirmados.

Fonte: Revista Espaço UP

Artigos Relacionados
-+=
PortugueseEnglishSpanishGermanFrench