Nelson Mandela, Zenani Mandela, Johanesburgo, Copa do Mundo, líder sul-africano, Winnie Madikizela, Fundação Nelson Mandela

Nelson Mandela não vai participar do jogo de abertura da Copa do Mundo da África do Sul, divulgou a Fundação Nelson Mandela. O motivo foi a morte de sua bisneta, Zenani Mandela, que faleceu em um acidente de carro quando voltava da festa de inauguração da Copa do Mundo, realizada nesta quinta-feira, em Johanesburgo, na África do Sul.

 

Ainda se esperava a confirmação da ausência do líder sul-africano na partida de abertura do Mundial, entre o país anfitrião e México, que ocorre às 11h (horário de Brasília), o que foi divulgado na manhã desta sexta-feira pela Fundação de Mandela.

 

Zenani Mandela, bisneta mais velha de Mandela, de 13 anos, foi a única a falecer na tragédia, em que ninguém mais saiu ferido. Em primeiro instante, foi informado que ela estava viajando com a ex-mulher de Nelson, Winnie Madikizela, porém, desmentido horas depois.

 

Noxolo Kweza, coronel e porta-voz da polícia local, disse que o carro capotou em uma estrada perto do centro de Johanesburgo. Segundo ele, o motorista foi preso e acusado por homicídio culposo. Outro policial afirmou que ele estava dirigindo embriagado.

 

“A policia descobriu que ele estava bêbado”, falou o policial Edna Mamonyane. “Ele perdeu o controle do veículo e colidiu com um barranco”, completou o porta-voz.
“Havia uma outra pessoa no veículo, uma mulher da família, mas não sua mãe”, informou outro membro da polícia sul-africana.

 

Zenani era uma das nove bisnetas de Mandela, e havia completado 13 anos de idade no último dia 9 de junho, pouco antes do início do Mundial. Pouco antes da abertura oficial da Copa do Mundo da África do Sul, a Fundação emitiu um único comunicado.

 

“O senhor Nelson Mandela soube esta manhã da trágica morte de sua bisneta em um acidente. Seria portanto inapropriado que participasse pessoalmente da abertura das celebrações da Copa do Mundo da Fifa. Estamos seguros de que os sul-africanos e as pessoas de todo o mundo se solidarizarão com o senhor Mandela e sua família após esta tragédia”, afirma o comunicado oficial divulgado pela Fundação Nelson Mandela.

 

“Seguimos acreditando que a Copa do Mundo é uma oportunidade histórica para a África do Sul e o continente e estamos certos de que será um grande sucesso. Madiba (como é conhecido Mandela) estará ali de forma espiritual com todos vocês”, completou a nota.

 

Fonte: UOL

+ sobre o tema

Quênia escolhe novo presidente; conheça os candidatos

Os eleitores do Quênia votam para escolher um novo presidente e...

Mandela está lutando em seu “leito de morte”, diz filha

O ex-presidente sul-africano Nelson Mandela está corajosamente lutando em...

Michael Jackson era viciado em cirurgias, diz mãe do cantor

Katherine Jackson fez a declaração em uma entrevista ao...

para lembrar

Programação definida para Semana da Consciência Negra em Porto Alegre

Agenda de debates, palestras e shows terá atração do...

Exaltasamba divulga a primeira música do DVD de 25 anos

Comemorando 25 anos de carreira, o grupo Exaltasamba divulgou...

Christiane Taubira

Christiane Taubira, nascida em 2 de fevereiro de 1952...

BAHIA capacita agentes e operadores em seminários

  De olho no mercado turístico afro descendente,...
spot_imgspot_img

Tony Tornado relembra a genialidade (e o gênio difícil) do amigo Tim Maia, homenageado pelo Prêmio da Música Brasileira

Na ausência do homenageado Tim Maia (1942-1998), ninguém melhor para representá-lo na festa do Prêmio da Música Brasileira — cuja edição 2024 acontece nesta quarta-feira (12),...

Rihanna já tem atriz favorita para possível cinebiografia

Rihanna está se antecipando em relação a como quer ser vista, caso sua história venha a ser uma cinebiografia em algum momento do futuro. A cantora...

Segundo documentário sobre Luiz Melodia disseca com precisão o coração indomado, rebelde e livre do artista

Resenha de documentário musical da 16ª edição do festival In-Edit Brasil Título: Luiz Melodia – No coração do Brasil Direção: Alessandra Dorgan Roteiro: Alessandra Dorgan, Patricia Palumbo e Joaquim Castro (com colaboração de Raul Perez) a partir...
-+=