No dia da Mulher Negra, queremos projetos que ponham a vida em 1º lugar

Enviado por / FontePor Aniella Franco, de Ecoa

Neste dia da mulher negra latino americana e caribenha, aproveito o espaço da minha coluna para divulgar um encontro que estamos sonhando há tempos e que hoje podemos falar. Nesta semana, iremos inaugurar um monumento em homenagem a minha irmã, Marielle, que já falei aqui em minha coluna. Já na próxima semana, temos um encontro nacional que promete mover as estruturas desse período pré-eleitoral.

No dia em que comemoramos os 30 anos do Dia da Mulher Negra Latino Americana e Caribenha, relembrar meus passos por países latino-americanos me faz reconectar com aquilo que eu só ouvi falar a partir de minhas mais velhas. Na semana que marca o 1º Encontro de Mulheres Negras da América Latina e do Caribe, que ocorreu em 1992 na República Dominicana, também saúdo minhas ancestrais brasileiras, como Tereza de Benguela, que dá o nome da data no calendário de nosso Brasil e que foi uma importante liderança quilombola no século XVIII.

O projeto Estamos Prontas, iniciativa de incidência política do Instituto Marielle Franco (IMF) e do movimento Mulheres Negras Decidem (MND), irá realizar o primeiro Encontro Nacional Estamos Prontas: Mulheres Negras na Política.

O evento reunirá lideranças políticas de todas as unidades federativas do Brasil participantes do projeto, além de intelectuais, artistas e nomes influentes na política institucional da América Latina.

A vice-presidente da Colômbia recém-eleita, Francia Marquez, irá participar do evento de forma online. Além dela, estão previstas a participação das deputadas federais Benedita da Silva (PT) e Talíria Petrone (PSOL), Marcelo Freixo, pré-candidato ao governo do estado do Rio de Janeiro, além de dirigentes estaduais e nacionais dos partidos que apoiam a chapa de Lula-Alckmin.

No encontro, que acontece dia 05 de agosto, no Rio de Janeiro, as pré-candidaturas dos 27 estados lançam uma carta compromisso com eixos programáticos para o Executivo Federal em 2023, no intuito de cobrar o comprometimento de Lula, pré-candidato à presidência, com políticas de justiça social, racial e de gênero. Dirigentes dos partidos que constroem a coalizão Lula 2022 foram convidados, assim como o próprio Lula, mas ele ainda não confirmou sua presença.

O evento marca o encerramento da primeira etapa do nosso projeto, o Estamos Prontas, onde 27 lideranças negras, uma de cada estado do país, participam de uma jornada formativa para o desenvolvimento de habilidades essenciais para o processo eleitoral de 2022.

A formação acontece desde abril, e aborda temas como: História do Movimento Negro e do Movimento Negro Feminista, Direito Eleitoral, Captação de Recursos, Comunicação, Gestão de Recursos, Segurança Digital e Física, Saúde Mental e Autocuidado, Formação de Rede e Articulação Territorial. O projeto conta ainda com uma equipe de estrategistas regionais que, por meio de mobilização e articulação política nos respectivos territórios, estão impulsionando as pré-candidaturas.

A expectativa desse grande evento é de que sejamos capazes de congregar diferentes atrizes e atores políticos em torno de um novo projeto de futuro, liderado por mulheres negras. Temos prioridades que precisam ser reconhecidas e incorporadas às agendas de todas as esferas do poder. O Brasil tem solução e as mulheres negras são parte fundamental desse processo.

É simbólico que esse encontro de mulheres negras ocorra na cidade que elegeu Marielle Franco. Será a partir das mãos das mulheres negras brasileiras que conseguiremos reconstruir nosso país e dar uma resposta aos recentes ataques à nossa democracia e ao nosso sistema eleitoral. Acreditamos na construção de um futuro de dignidade e felicidade para todos e é essa proposta que nossas lideranças pretendem apresentar no próximo dia 5 de agosto.

Serviço

Encontro Nacional Estamos Prontas: Mulheres Negras na Política
Data: 05 de Agosto de 2022, a partir das 15h
Mais informações: www.estamosprontas.org | www.instagram.com/estamosprontas | www.instagram.com/institutomariellefranco/ | www.instagram.com/mulheresnegrasdecidem |
Entrada gratuita mediante inscrição prévia.

+ sobre o tema

Pioneiras: Melânia Luz, a 1ª negra brasileira em Olimpíadas

Ela é luz. No presente mesmo. Porque o feito...

30/04 – Nota da Ministra Eleonora Menicucci pelo Dia das Trabalhadoras Domésticas

O Dia das Trabalhadoras Domésticas, às vésperas do 1°...

Março por Marielle e Anderson

Estamos no primeiro dia deste mês onde revivemos com...

para lembrar

Saúde: maternidade, aborto e violência sexual

A garantia de uma maternidade saudável e segura deve...

Ser feminista negra é uma coisa.Ser feminista branca é outra coisa.

Pra quem não sabe, Eliane é esposa do Mano...

Mel Duarte combate machismo e racismo com poesia

Desde os oito anos de idade, Mel Duarte já...

A cruzada do papa Francisco de satanização da teoria de gênero

O papa Francisco, do alto da suposta infalibilidade papal,...
spot_imgspot_img

CNJ pede explicações a juízas sobre decisões que negaram aborto legal

O Conselho Nacional de Justiça (CNJ) decidiu nesta sexta-feira (12) intimar duas magistradas do Tribunal de Justiça de Goiás (TJGO) a prestarem esclarecimentos sobre...

Instituto Mãe Hilda anuncia o lançamento do livro sobre a vida de matriarca do Ilê Aiyê

O livro sobre a vida da Ialorixá Hilda Jitolu, matriarca do primeiro bloco afro do Brasil, o Ilê Aiyê, e fundadora do terreiro Acé...

Centenário de Tia Tita é marcado pela ancestralidade e louvado no quilombo

Tenho certeza que muitos aqui não conhecem dona Maria Gregória Ventura, também conhecida por Tia Tita. Não culpo ninguém por isso. Tia Tita é...
-+=