sexta-feira, fevereiro 3, 2023
InícioÁfrica e sua diásporaAfro-brasileiros e suas lutasNova lei insere o nome de Antonieta de Barros como Heroína da...

Nova lei insere o nome de Antonieta de Barros como Heroína da Pátria

Em 1948, um projeto de lei de Antonieta de Barros criou o Dia do Professor

O presidente da República, Luiz Inácio Lula da Silva, sancionou a Lei 14.518/23, que insere o nome de Antonieta de Barros no Livro dos Heróis e Heroínas da Pátria, que se encontra no Panteão da Pátria e da Liberdade Tancredo Neves, na Praça dos Três Poderes, em Brasília (DF). A proposta que deu origem à lei, PL 4940/20, do deputado Alessandro Molon (PSB-RJ), foi aprovada pela Câmara em junho de 2022.

Alfabetizada tardiamente por jovens estudantes, Antonieta de Barros (1901-1952) formou-se professora e está entre as primeiras mulheres a ocupar cargos eletivos no Brasil. Foi eleita em 1934 deputada estadual por Santa Catarina, mesmo ano que a médica Carlota Pereira de Queirós se elegeu deputada federal por São Paulo.

Em 1948, um projeto de lei de Antonieta de Barros criou o Dia do Professor, com feriado escolar em 15 de outubro, em Santa Catarina. A data seria oficializada no País inteiro somente em outubro de 1963.

Artigos Relacionados
-+=
PortugueseEnglishSpanishGermanFrench