Novos emojis do iPhone fazem Apple ser acusada de racismo

Apple está adicionando, ao iPhone, ao iPad e ao Mac, novos emojis que representem pessoas de etnias variadas, como negros e asiáticos. É um louvável reconhecimento da diversidade dos seres humanos. Mas alguns veem racismo nisso.

Comentários negativos sobre os emojis têm sido feitos principalmente por asiáticos. Há seis opções de tons de pele nos novos ícones da Apple. Uma dessas cores, amarela, foi interpretada por alguns como correspondente à pele dos orientais. E houve quem achasse o tom amarelo demais.

No Twitter, o usuário Kray Kray escreve: “O tom de pele asiático nos novos emojis da Apple é amarelo intenso. Isso parece mais racista do que pró-diversidade racial.”

emoji2

Também no Twitter, a usuária Yurie Kwon diz, ao comentar uma notícia do site Mashable: “A Apple está liberando novos emojis com diversidade racial. Mas não estou certa sobre como me sinto sobre aquele emoji asiático ultra-amarelo.”

emoji

Os ícones, na verdade, seguem as recomendações do consórcio Unicode, que estabelece padrões para letras, números, símbolos e outros caracteres em meios digitais. Isso foi apontado por várias pessoas em comentários no Twitter.

A documentação do Unicode explica que, com exceção do amarelo, as cores dos emojis que representam pessoas vêm da escala de tons de pele criada em 1975 pelo dermatologista Thomas Fitzpatrick, da Escola de Medicina de Harvard.

Já o amarelo é a cor indicada para aquele emoji sorridente básico, o smiley. Essa cor é usada desde os anos 60, quando Harvey Ball, desenhista de uma empresa de seguros americana, criou o smiley.

Então, pode até ser que a Apple mude a cor do ícone se houver muita pressão. Mas não parece haver racismo nela.

Bandeira brasileira e Siri em português

A nova coleção de emojis da Apple traz 300 novos símbolos, incluindo mais bandeiras, como a brasileira. Esses novos ícones apareceram primeiro na versão 8.3 do sistema iOS, usado no iPhone e no iPad.

No teclado do iOS 8.3, basta manter o dedo sobre um dos emojis para ver as diversas opções de tom de pele, da mesma maneira que se acentua uma letra.

Outra novidade do iOS 8.3 é que, nele, a assistente falante Siri vai finalmente passar a entender português, além de seis outros idiomas.

Essa edição do iOS ainda está em fase final de desenvolvimento. Deve demorar algumas semanas até ela ser liberada para os usuários. Os mesmos símbolos serão acrescentados à próxima geração do sistema OS X, do Mac. Versões de teste dos dois sistemas foram liberadas para desenvolvedores de aplicativos nesta semana.

Uma dica: se você tem um iPhone ou iPad e não vê emojis no teclado, pode ativar esse recurso no app Ajustes. Para isso, abra o app e toque em Geral > Teclados > Teclados > Adicionar novo Teclado. Selecione, então, a opção Emoji.

+ sobre o tema

Eles escandalizaram o templo do racismo em São Paulo

por Eduardo Guimarães do Blog da Cidadania Afrontar a...

Meu primeiro abuso policial

O famoso “Mão na cabeça, vagabundo!” da primeira batida...

‘Tem dias em que sinto vergonha da minha cor’

Nós brancos precisamos desconstruir o racismo institucional que nos...

para lembrar

“Racismo ainda é um crime quase que perfeito”

No Dia da Consciência Negra, movimentos fazem marcha por...

Cantos racistas contra Balotelli e Eto’o geram polêmica na Itália

Fonte: Trivela.com - Nesta segunda-feira, o presidente da associação...

Thuler e Lincoln: quando o racista é seu amigo

Durante uma live no instagram entre os jogadores do...

Outras perguntas sobre violência policial

Um dia após o Natal os jornais noticiaram que...
spot_imgspot_img

Fifa apresenta pacote de medidas contra o racismo no esporte

A Federação Internacional de Futebol apresentou um pacote de medidas contra o racismo no esporte. O mundo do futebol está reunido em Bangkok, na Tailândia, onde...

Tragédia no Sul é ambiental, mas sobretudo política

Até onde a vista alcança, o Rio Grande do Sul é dor, destruição. E vontade de recomeçar. A tragédia socioclimática que engolfou o estado, além da...

Para os filhos que ficam

Os seus pais vão morrer. É ainda mais difícil se dar conta disso depois de um Dia das Mães, como foi o último domingo....
-+=