Tag: Apple

    Ana Carolina da Hora, 24, aluna de ciência da computação de Duque de Caxias (RJ) - Ricardo Borges/Folhapress

    É um problema ser a única negra, diz brasileira convidada para conferência da Apple

    Ana Carolina da Hora, 24, de Duque de Caxias (RJ), viajou para fora do país pela 1ª vez para participar de evento Por Jefferson Barbosa, da Folha de S.Paulo  Ana Carolina da Hora, 24, aluna de ciência da computação de Duque de Caxias (RJ) - Ricardo Borges/Folhapress Sentada na primeira fila, Ana Carolina da Hora, 24, exibia o mesmo sorriso de todos os outros jovens na foto que registrava a realização de um sonho. Nina, como é chamada, era a única negra entre os 350 jovens de vários países selecionados pela Apple para participar da Conferência WWDC18, que dá a desenvolvedores a oportunidade de aprender a criar novas experiências em plataformas da empresa. “O maior problema é ser a única em muitos lugares”, resume a estudante de computação, que pela primeira vez viajava para fora do Brasil. Nina conta que tem cinco mães: a mãe biológica ...

    Leia mais
    blank

    Lázaro Ramos é o primeiro convidado da Apple para indicação de livros e filmes no novo IOS

    No mundo da tecnologia, a semana que passou foi agitada. Enquanto anunciava sua nova fornada de iPhones, a Apple avisou que atualizaria a versão de seu sistema operacional e liberou nessa segunda-feira o iOS 12 (iPhones, iPads e iPods), o watchOS 5 (Apple watch) e o tvOS 12 (Apple TV). Do Glamurama Lázaro Ramos recomenda seus livros favoritos || Foto: Reprodução/Glamurama Além de melhora de desempenho dos aparelhos, emojis animados, chamadas de vídeo com até 32 participantes, uma das mudanças mais interessantes é a repaginada de layout e recursos que a loja de livros, localizada dentro da iTunes Store, ganhou. Com tanta expectativa em torno do anúncio, pela primeira vez a gigante da maçã inaugura uma seção por lá com recomendações de um convidado. Para dar start, Lázaro Ramos foi o escolhido e indicou os seus livros e filmes favoritos. Aqui você encontra o link para a seção, glamurette. Vale lembrar que as dicas são exclusivas para o Brasil. ...

    Leia mais
    blank

    Negros na publicidade: Apple faz diversidade racial parecer natural, como deveria ser

    Diversidade não deveria que ser tão relacionada à política, apesar da necessidade, porque é uma questão de representatividade. Negros na propagada não deveriam ser lidos como cotistas, dentro de um plano de ações afirmativas. Números não mentem e nós negros somos a maioria da população, portanto deveria ser normal ter mais negros nas propagandas. É coerente. Por Silvia Nascimento Do Mundo Negro No entanto, quando vemos negros e negras em campanhas de grandes marcas, celebramos e agradecemos as marcas por nos representar. Oras, eles estão fazendo o que a maioria dos competentes publicitários do planeta fazem, que é olhar o mundo fora da sua caixinha, fora do seu círculo social e familiar, sem filtro e com senso de realidade se apoiando em dados estatísticos e obviamente, visando o lucro. Os nossos publicitários das grandes agências que são tão bem-nascidos e viajados, amantes das novas tendências, deveriam se inspirar na Apple para o ...

    Leia mais
    Wikipedia/Reprodução "Trabalho infantil não é tolerado em nossa cadeia de fornecedores" afirmou a Apple

    Relatório acusa Apple, Samsung e Sony de conivência com trabalho infantil

    Anistia Internacional revela que crianças de até 7 anos trabalham em minas na República Democrática do Congo No iG A organização de direitos humanos Anistia Internacional acusou as empresas Apple, Samsung e Sony, entre outras, de falhar em identificar o uso de trabalho infantil na produção dos minerais usados em seus aparelhos. Em um relatório sobre a mineração de cobalto na República Democrática do Congo, a Anistia afirma ter encontrado crianças de até 7 anos de idade trabalhando em condições perigosas. O cobalto é componente vital para as baterias de íon-lítio. As empresas afirmaram que seguem política de tolerância zero em relação a trabalho infantil. "Companhias cujo lucro global é de US$ 125 bilhões não podem realmente alegar incapacidade de verificar de onde vêm suas matérias-primas essenciais", disse Mark Dummett, pesquisador nas áreas de negócios e direitos humanos da Anistia. Mortes A República Democrática do Congo responde por 50% ou ...

    Leia mais
    blank

    Apple não quer mais mulheres nem negros nas chefias

    Mulheres, negros, minorias em geral ficam bem no papel, mas na prática mais diversidade seria “excessivamente pesada e não necessária” na Apple, diz a administração. Por Carla Castro Do Economico Apesar de em Agosto passado, no relatório de diversidade da Apple, o CEO, Tim Cook, ter afirmado que ainda havia muito a fazer pela diversidade na empresa, o conselho de administração da empresa vem agora recomendar aos accionistas,  antes do seu encontro de Fevereiro, que votem contra o aumento da diversidade no conselho de administração e gestão de topo. A informação consta da documentação enviada aos accionistas da Apple, e que pode ser consultada no site da empresa, com uma recomendação muito clara do conselho de administração de "votar contra" a proposta que prevê o aumento da diversidade entre os quadros de topo. A Apple não quis comentar a notícia, mas os factos estão aí: as caras da administração da empresa mostram que a maioria ...

    Leia mais
    blank

    Loja da Apple é acusada de racismo após expulsar estudantes negros

    A Apple teve de se desculpar com seis estudantes negros que foram impedidos de permanecer em uma loja da empresa em Melbourne, na Austrália. Por Leonardo Pereira no Olhar Digital Em um vídeo publicado no Facebook é possível ver o momento em que o funcionário explica que todos precisam sair porque a segurança teme que eles roubem algum produto. “Esses rapazes estão um pouco preocupados com a sua presença na nossa loja. Eles temem que vocês talvez roubem alguma coisa”, diz ele. Quando os estudantes protestam, o funcionário os interrompe: “Fim de discussão, eu preciso pedir que vocês saiam da nossa loja.” Segundo reporta o The Guardian, o diretor da escola onde os garotos estudam os acompanhou à loja para procurar o gerente, que se desculpou. Pelo Facebook, Mohamed Semra, uma das vítimas do ocorrido, confirmou: “Eles se desculparam, então estamos tranquilos, não há necessidade de levar isso adiante.” Khalid Breezy, ...

    Leia mais
    blank

    Apple fez emojis negros, o ser humano o transformou em arma para o racismo

    Na última semana a Apple inovou e lançou uma nova versão de emojis — os famosos emoticons que as pessoas utilizam em conversas via celular. A novidade eram bonequinhos em diversas tonalidades de pele, uma tentativa da empresa de se colocar na luta contra o preconceito racial. Mas o preconceito bestial de muitas pessoas fez o tiro sair pela culatra. Do Yahoo  Diversas postagens em redes sociais têm registrado a utilização dos emojis negros com intuito preconceituoso. A ótima intenção da Apple ao incluir as novas versões acabou fazendo com que aparecessem muito mais postagens preconceituosas. Por conta disso, inclusive, o Twitter se manifestou afirmando que está banindo toda e qualquer post de cunho preconceituoso. Por mais que a Apple não tenha controle algum em relação à utilização de seus emojis, muitas pessoas têm criticado a postura da empresa, que não se manifestou sobre o caso. Ao longo desta semana ...

    Leia mais
    blank

    Novos emojis do iPhone fazem Apple ser acusada de racismo

    A Apple está adicionando, ao iPhone, ao iPad e ao Mac, novos emojis que representem pessoas de etnias variadas, como negros e asiáticos. É um louvável reconhecimento da diversidade dos seres humanos. Mas alguns veem racismo nisso. Comentários negativos sobre os emojis têm sido feitos principalmente por asiáticos. Há seis opções de tons de pele nos novos ícones da Apple. Uma dessas cores, amarela, foi interpretada por alguns como correspondente à pele dos orientais. E houve quem achasse o tom amarelo demais. No Twitter, o usuário Kray Kray escreve: “O tom de pele asiático nos novos emojis da Apple é amarelo intenso. Isso parece mais racista do que pró-diversidade racial.” Também no Twitter, a usuária Yurie Kwon diz, ao comentar uma notícia do site Mashable: “A Apple está liberando novos emojis com diversidade racial. Mas não estou certa sobre como me sinto sobre aquele emoji asiático ultra-amarelo.” Os ícones, na verdade, seguem as recomendações do consórcio Unicode, que ...

    Leia mais
    blank

    O orgulho de ser gay do CEO da Apple

    Jornal GGN – Em um artigo publicado na revista americana Bloomberg Businessweek, o CEO da Apple, Tim Cook, resolveu sair definitivamente do armário. Embora sua homossexualidade já fosse sabida no Vale do Silício, Cook resolveu falar sobre isso para ajudar outras pessoas a lidar com a sexualidade. "Se saber que o CEO da Apple é gay puder ajudar alguém na luta pela aceitação de quem ele ou ela é, ou ajudar a trazer conforto a alguém que se sinta sozinho ou inspirar as pessoas que insistem pela igualdade, então vale a pena abrir mão dessa privacidade". do Estadão Tim Cook, CEO da Apple, diz ter 'orgulho de ser gay' Executivo-chefe da Apple revela homossexualidade em artigo publicado nesta quinta-feira,30, na revista Bloomberg Businessweek Tim Cook: "orgulho de ser gay" O executivo-chefe da Apple, Tim Cook, afirmou que tem 'orgulho de ser gay' em artigo publicado nesta quinta-feira,30, na revista Bloomberg ...

    Leia mais

    Últimas Postagens

    Artigos mais vistos (7dias)

    Instagram

    Twitter

    Facebook

    Welcome Back!

    Login to your account below

    Create New Account!

    Fill the forms bellow to register

    Retrieve your password

    Please enter your username or email address to reset your password.

    Add New Playlist