Núcleo da Unicamp abre inscrições para o concurso “Grafite Feminista”

Enviado por / FonteIG, por Gabriela Ferreira

As inscrições acontecem do dia 3 a 17 de janeiro; o resultado final da selecionada será divulgado em fevereiro

O Núcleo de Estudos de Gênero Pagu, da Unicamp, abriu inscrições para o “Concurso de Grafite Feminista Mariza Corrêa” de 3 a 17 de janeiro. Lançado em dezembro de 2021, o projeto busca selecionar uma artista para estampar paredes do Núcleo. Para as artes, o tema deverá ser as pesquisas realizadas no Pagu, feminismo no Brasil e os trabalhos de Mariza Corrêa, fundadora do Núcleo. 

O edital do concurso explica como funcionará a seleção e também as exigências estabelecidas pelo Núcleo para os participantes. O valor disponibilizado para a execução da arte será R$ 4 mil, preferencialmente usado para custear as despesas do projeto com compras e subsídios.

O edital também explica o formato de entrega do projeto e documentos via formulário de inscrição. Podem se inscrever para o concurso pessoas jurídicas que tenham a causa feminista envolvidas em pelo menos outros dois projetos.  As inscrições acontecem por um formulário e os resultados finais devem sair no dia 11 de fevereiro. Confira as informações completas na página da  Unicamp.

+ sobre o tema

Evento dedicado a mulheres negras chega a SP, BH e Recife

A ideia é empoderar através do conhecimento sobre diversos...

A doméstica brasileira que virou líder trabalhista nos EUA

O auditório da Assembleia Legislativa do Estado de Massachusetts...

Elena Ferrante: “Mesmo hoje, depois de um século de feminismo, nós não podemos ser inteiramente nós mesmas”

Tudo tem sido codificado em termos da necessidade masculina — mesmo...

Descriminalizar o aborto no Brasil pela vida das mulheres (por Laura Sito e Misiara Oliveira)

Que os ventos Argentinos nos inspirem pra luta Por Laura Sito...

para lembrar

spot_imgspot_img

TSE realiza primeira sessão na história com duas ministras negras

O TSE realizou nesta quinta (9) a primeira sessão de sua história com participação de duas ministras negras e a quarta com mais ministras...

Em reunião com a ministra das Mulheres, movimentos denunciam casos de estupros e violência em abrigos para atingidos pelas enchentes no RS

Movimentos feministas participaram de uma reunião emergencial com a ministra da Mulher, Cida Gonçalves, no final da tarde desta terça-feira (7), de forma online....

Documentário sobre Ruth de Souza reverencia todas as mulheres pretas

Num dia 8 feito hoje, Ruth de Souza estreava no Theatro Municipal do Rio de Janeiro. O ano era 1945. Num dia 12, feito...
-+=