Pai denuncia estupro da filha após ouvir áudio de padrasto pedindo foto íntima

Além do padastro da menina, amigo dele, personal trainer, também foi preso

 

Do Correio24Horas

Weber Aparecido, 45, anos foi preso acusado de abusar da enteada de 12 anos em Caldas Novas, no sul de Goiás. O personal trainer Wellington Soro, 27 anos, também foi preso por suspeita de envolvimento no caso. Nesta terça-feira (14), a Polícia Civil divulgou áudios que trazem o padrasto pedindo fotos íntimas da garota. Ele cobra insistentemente que ela mande fotos. “Manda logo, estou com pressa”, pede.

Vendedor de carros, o padrasto estava com a mãe da vítima há cerca de cinco anos e nos últimos dois anos estava abusando da criança. “Um dia, em um apartamento, ele fez sexo com ela na frente do amigo e o personal passou a ameaçar o padrasto de contar o caso para todo mundo se ele não aliciasse a menina para ele”, contou ao G1 o delegado Fernando Barbosa Martins.

Em janeiro desse ano, a menina foi passar férias com o pai em Novas Crixás. O padrasto continuava mandando mensagens para a garota pedindo fotos íntimas. O pai viu uma das mensagens e foi tirar satisfação com o homem, que o ameaçou de morte.

O padrasto chega a mandar áudios pedindo fotos íntimas. “Cadê você, menina, aparece. Eu quero quatro fotos, manda logo que estou com pressa. Rapidinho, eu quero elas. Não é pra raspar, eu quero do jeito que tá (sic)”, disse, se referindo às partes íntimas da menina. A garota não respondeu e o padrasto insiste. “Só quero que você me manda as minha fotos. Pode mandar já, já está de noite, estou esperando, já é quase nove. Tô esperando, beleza? O horário combinado é 21h30. Beijo, tchau”, diz ele em um dos áudios.

Com os áudios, o pai denunciou o crime e avisou à mãe da garota o que estava acontecendo. A menina passou por exame, que comprovou que não era mais virgem. Em depoimento, ela contou que era abusada pelo padrasto e pelo amigo dele, personal trainer, e não contava para ninguém porque sofria ameaças.

A mãe viajou para Novas Crixás para encontrar a filha e passou a ser ameaçada pelo marido. “O padrasto passou a ameaçar a mulher e a adolescente de morte se elas não voltassem para Caldas. Como elas não voltaram, ele chegou a viajar para ir atrás das duas. O prendemos quando ele se preparava para matar a mãe da menina”, conta o delegado.

Segundo a polícia, o personal trainer teria descoberto o estupro e chantageado o amigo ameaçando divulgar o fato caso ele também não pudesse abusar da vítima. De acordo com o jornal “O Popular”, a menina era obrigada a assistir a filmes pornográficos com os dois e a manter relação sexual com ambos simultaneamente.

O padrasto vai responder por estupro de vulnerável, aliciamento de menor e mediação para lasciva de outrem. O amigo dele, preso na segunda, vai responder por estupro de vulnerável e aliciamento.

+ sobre o tema

Lei Maria da Penha

Apresentação O combate à violência contra a mulher é questão de extrema...

BBB12: Daniel escapa fácil do processo por estupro, mas TV Globo não, dizem juristas

Apesar do alvoroço na mídia e das atitudes vacilantes...

para lembrar

Hoje é daqueles dias em que sinto uma vergonha enorme por ser homem – Por: Leonardo Sakamoto

Estudo realizado pelo Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada (Ipea) revelou...

Para ONU, Lei Maria da Penha é uma das mais avançadas do mundo

Brasília – A Lei Maria da Penha, que tornou...

SP: rapaz é preso por fazer ex-namorada de ‘escrava sexual’

Um  rapaz de 19 anos foi preso nesta terça-feira em...
spot_imgspot_img

Coisa de mulherzinha

Uma sensação crescente de indignação sobre o significado de ser mulher num país como o nosso tomou conta de mim ao longo de março. No chamado "mês...

Robinho chega à penitenciária de Tremembé (SP) para cumprir pena de 9 anos de prisão por estupro

Robson de Souza, o Robinho, foi transferido para a Penitenciária 2 de Tremembé, no interior de São Paulo, na madrugada desta sexta-feira (22). O ex-jogador foi...

A Justiça tem nome de mulher?

Dez anos. Uma década. Esse foi o tempo que Ana Paula Oliveira esperou para testemunhar o julgamento sobre o assassinato de seu filho, o jovem Johnatha...
-+=