Guest Post »

Por trás da foto: por que este atleta dos EUA se ajoelhou no pódio do Pan

O esgrimista Race Imdoben pode ser punido por esse gesto, diz o Comitê Olímpico e Paralímpico Americano

Da Veja 

O protesto silencioso do esgrimista americano Race Imboden nos Jogos Pan-Americanos de Lima (09/08/2019) (Reprodução/Twitter)

O esgrimista e modelo americano Race Imboden, 26 anos, se ajoelhou no primeiro lugar do pódio ao receber, ao lado de seu time, a medalha de ouro nos Jogos Pan-Americanos de Lima, na última sexta (9). Por esse gesto, o Comitê Olímpico e Paralímpico Americano disse que o atleta pode sofrer sanções. Mas o que, afinal, significa o aceno?

Em seu Twitter, Imboden explicou que foi um gesto político. Race decidiu “sacrificar” seu momento no topo, enquanto a bandeira dos Estados Unidos era hasteada, para conscientizar a população sobre as mazelas de seu país, que, ressalta, lhe é muito querido. O tuíte foi curtido por 44.100 pessoas e compartilhado por mais de 11.300.

“Racismo, a lei de armas, os maus-tratos a imigrantes e um presidente que espalha ódio estão no topo de uma longa lista”, enumera o esgrimista, ao elencar os motivos de seu protesto silencioso. A equipe americana foi premiada 5 dias após massacre em supermercado no Texas deixar 22 mortos. O principal suspeito pelo ataque, Patrick Crusius, é apoiador do presidente Donald Trump, disse estar combatendo a “invasão hispânica do Texas” e ser “contra a mistura de raça”.

Leia, abaixo, a íntegra do texto de Imboden e sua tradução:

“Precisamos pedir mudanças.

Nesta semana tive a honra de representar o time americano nos Jogos Pan-Americanos, levando para casa as medalhas de ouro e bronze. Meu orgulho, no entanto, foi diminuído por múltiplas falhas do país que é tão querido em meu coração. Racismo, a lei de armas, os maus-tratos a imigrantes e um presidente que espalha ódio estão no topo de uma longa lista. Eu escolho sacrificar meu momento hoje no topo do pódio para chamar atenção a questões que, creio, precisam ser resolvidas. Eu encorajo a todos que usem seus meios e posições em prol do empoderamento e da mudança.”

Related posts