Prefeitura do Rio celebra Semana da Mulher Negra Latino-Americana e Caribenha

A Prefeitura do Rio, por meio da Secretaria Municipal de Cultura, realiza uma série de ações online pelo Dia Internacional da Mulher Negra Latino-Americana e Caribenha, comemorado neste sábado (25). Lives, bate-papos e publicações que trazem vozes de referências na Cultura e na luta das mulheres negras em todo país.

Começando pelo #FalaPreta, a Secretaria traz em suas redes sociais diariamente vídeos com depoimentos de mulheres negras sobre o dia 25 de julho, que também é Dia Nacional de Tereza de Benguela e da Mulher Negra, instituído pela Lei nº 12.987/2014. Nomes como Zezé Motta, Helena Theodoro, Sandra de Sá e Flávia Oliveira, falarão sobre a importância da luta das mulheres negras em seus diferentes territórios e ocupações.

Pensando nisso, o Museu da História e da Cultura Afro-brasileira (MUHCAB), realiza a 1ª Semana Tereza de Benguela, com publicações diárias, live sobre “O racismo no sistema judiciário” e Live poética com o Coletivo Cortando silêncios.

O Museu do Amanhã, no dia 22, realiza um bate-papo no canal do Youtube, sobre “Evidências das culturas negras: interseccionalidade, metodologia e prática”, com a antropóloga Sonia Santos , e a historiadora e educadora popular, Valdecir Nascimento.

No Instagram, o centro Coreográfico da Cidade terá lives sobre ” O mercado de trabalho para profissionais pretos na dança”, “A representatividade da porta-bandeira” e “Dança e Educação Antirracista”.

SERVIÇO

Secretaria Municipal de Cultura: @cultura_rio

21/07: Museu da História e da Cultura Afro-brasileira (MUHCAB) – @muhcab.rio
“O racismo no sistema judiciário Brasileiro” – 20h
Live com Nane Carvalho, ativista social e Kamilla Mello, fundadora e vice-presidente da Lajumg (Liga Acadêmica Jurídica de Minas Gerais)

22/07: Museu do Amanhã – Canal do Youtube
“Evidências das culturas negras: interseccionalidade, metodologia e prática”
Live com a antropóloga Sonia Santos , e a historiadora e educadora popular, Valdecir Nascimento – 17h

24/07: Centro Coreográfico da Cidade do Rio – @ccoreograficorj
“O mercado de trabalho para profissionais pretos na dança”
Live com Anna Callado, idealizadora do Preto.Move – 19h

25/07: Centro Coreográfico da Cidade do Rio – @ccoreograficorj
“A representatividade da porta-bandeira”
Live com Selminha Sorriso – 16h

Museu da História e da Cultura Afro-brasileira (MUHCAB) – @muhcab.rio
Live poética com Coletivo Cortando silêncios – 19h

31/07: Centro Coreográfico da Cidade do Rio – @ccoreograficorj

“Dança e Educação Antirracista”
Live com com Nadir Nóbrega, Professora Adjunta aposentada do Curso de Licenciatura em Dança da Universidade Federal de Alagoas (UFAL) – 16h

+ sobre o tema

Escritora Elisa Pereira lança amanhã “Sem Fantasia”, seu segundo livro!

Na próxima terça-feira (29), às 19h, será lançado “Sem...

O conferencismo e o marchismo como formas de lutas políticas

Aconteceu em Brasília, em 18 de novembro, a Marcha...

“O Quarto de Despejo está vivo”, afirma filha de Carolina Maria de Jesus

Em 60 anos do livro “Quarto de Despejo: Diário...

Mulheres Maravilhosas: Cristiane Sobral

Não me lembro exatamente como entrei em contato com...

para lembrar

Em São Vicente, mulheres participam da 1ª Marcha das Pretas

Um grupo de mulheres da Baixada Santista se reuniu...

Julho das Pretas

Grandes desafios se colocam para mulheres negras que decidiram...
spot_imgspot_img

II Encontro de Mulheres Negras e Mercado de Trabalho

Muito aconteceu desde o nosso último encontro em 2022. Nesta segunda edição do Encontro de Mulheres Negras e Mercado de Trabalho que encerra com...

Festival Latinidades traz shows e debates para Salvador 

Após o sucesso das edições em Brasília, São Paulo e Rio de Janeiro, o 16º Festival Latinidades chega a Salvador neste sábado e domingo,...

Julho das pretas: conheça a trajetória da caririense Neusa Lourenço

O dia 25 de julho é uma data para ser celebrada. Isso porque internacionalmente desde 1992 em Santo Domingo, na República Dominicana, quando um...
-+=