Proibidas de andar de bicicleta, meninas afegãs encontram liberdade no skate

Em muitas comunidades afegãs, é um costume proibir as mulheres de andar de bicicleta. Mas, muitas vezes, o que elas perdem nesse caso é um meio de transporte. A ONG Skateistan, localizada em Cabul, Afeganistão, está encontrando uma outra maneira de dar mais liberdade às meninas do país: ensiná-las a andar de skate.

Do Hypeness

A nova atividade tem como fim torná-las mais envolvidas com a escola, mas também serve como uma ótima fonte de diversão e exercício físico. Mais de 50% das crianças atendidas pelo programa trabalham na rua e mais de 40% destas são meninas. O sucesso da iniciativa levou a ONG a atuar também no Camboja e na África do Sul.

Como uma maneira de mostrar a realidade destas garotas e o impacto do skate em suas vidas, a fotógrafa Jessica Fulford-Dobson criou uma série em que mostra as garotas aprendendo a usar o skateboard na sede na ONG. As imagens são inspiradoras e mostram o empoderamento das meninas diante da nova atividade.

skate skate2 skate3 skate4 skate5 skate6 skate7 skate8 skate10 skate11 skate12 skate13

Todas as fotos © Jessica Fulford-Dobson

 

Leia Também:

As mulheres negras no esporte brasileiro

+ sobre o tema

Bruna da Silva Valim é primeira negra a representar SC no Miss Universo Brasil

Bruna da Silva Valim, candidata de Otacílio Costa, foi...

O feminismo da Globo é o feminismo que nos aprisiona

Amor & Sexo, da Rede Globo, e o desserviço...

As histórias das mulheres líderes do território Xingu

Se por um lado elas quebraram regras indígenas que...

Sobre ser mulher, negra e a importância de formular política

Há alguns dias, fui convidada por algumas companheiras a...

para lembrar

De Elisa Lucinda – Mulata Exportação

Fonte:  Escola Lucinda “Mas que nega linda E de olho verde...

Melhor do mundo, Serena Williams só não consegue derrotar o racismo

Serena Williams tinha 6 anos de idade quando a...

Para chefe do FMI, igualdade entre os gêneros é a chave para boa economia

Christine Lagarde: Apenas com igualdade de gênero podemos ter...
spot_imgspot_img

Aborto legal: ‘80% dos estupros são contra meninas que muitas vezes nem sabem o que é gravidez’, diz obstetra

Em 2020, o ginecologista Olímpio Moraes, diretor médico da Universidade de Pernambuco, chegou ao hospital sob gritos de “assassino” porque ia interromper a gestação...

Lançamento do livro “A importância de uma lei integral de proteção às mulheres em situação de violência de gênero”

O caminho para a criação de uma lei geral que reconheça e responda a todas as formas de violência de gênero contra as mulheres...

O que está em jogo com projeto que torna homicídio aborto após 22 semanas de gestação

Um projeto de lei assinado por 32 deputados pretende equiparar qualquer aborto realizado no Brasil após 22 semanas de gestação ao crime de homicídio. A regra valeria inclusive para os...
-+=