Rebeca vai bem nas eliminatórias e deve brigar por 2 ouros no Mundial

Enviado por / FonteUOL, por Demétrio Vecchioli

Rebeca Andrade é favoritíssima a faturar ao menos duas medalhas de ouro no Mundial de Ginástica Artística que começou a ser disputado ontem (18) em Kitakyushu, no Japão. O torneio está bastante esvaziado e não conta com as principais ginastas dos EUA, da China e da Rússia, por exemplo. A brasileira participou da penúltima de 10 rotações, terminando em primeiro no salto e nas assimétricas e classificada para a final também da trave.

Alegando que precisa preservar o corpo de Rebeca Andrade para o restante do ciclo olímpico, a comissão técnica decidiu não inscrever a ginasta para participar da prova de solo. Fora desse aparelho, ela também não concorre no individual geral, prova que define a ginasta mais completa e na qual a brasileira foi prata em Tóquio.

Nos três aparelhos em que se apresentou hoje, nas eliminatórias, Rebeca somou um total de 43,400, o que significa que ela precisaria de 12,350 no solo para ficar na liderança do individual geral. Com praticamente qualquer série ela pegaria vaga na final nessa prova, quando, em tese, repetindo o nível da apresentação de hoje, poderia faturar o ouro com uma série de solo muito mais fraca que está acostumada.

Mas isso são conjecturas e o que importa é o que Rebeca fez. No salto, ela até pisou fora da área de chegada na primeira apresentação, recebendo nota 14,900. Na segunda, fez um exercício mais simples e ficou com 14,700. Com média 14,800, ela ficou quase meio ponto à frente da segunda colocada e um ponto à frente da terceira.

Nas barras assimétricas, aparelho onde Rebeca fez suas piores (ou menos boas) apresentações na Olimpíada, dessa vez ela brilhou. Tirou nota 15,100 e ficou quase quatro décimos à frente da chinesa que até então liderava. Na trave, a apresentação foi mais simples, deixando a brasileira em nono, mas atrás de três norte-americanas. Como só duas atletas de cada país podem disputar a final, Rebeca pegou a última vaga.

+ sobre o tema

Taís Araújo: ‘Estou feliz com as minhas celulites’

Capa da revista QUEM desta semana, Taís Araújo falou...

África deve reagir perante as alterações climáticas

Por :Cristina Santos Nobel da Paz exorta líderes africanos a...

Barras de ouro? Brincos gigantes de Beyoncé chamam atenção nas Nações Unidas

De cabelo preso, terninho branco e zero de decote,...

para lembrar

A história brutal e quase esquecida da era de linchamentos de negros nos EUA

Atenção: esta reportagem contém conteúdos perturbadores. Por Ángel Bermúdez No Uol Em...

Dez frases inesquecíveis do mestre Armando Nogueira

Do Rei Pelé a Mané Garrincha, os grandes inspiradores...

RIO CLARO: Batepapo Cultural discute a imagem do negro na mídia

Na próxima quarta-feira, 18, o Batepapo Cultural discutirá a...
spot_imgspot_img

Carnaval 2025: nove das 12 escolas do Grupo Especial vão levar enredos afro para a Avenida

Em 2025, a Marquês de Sapucaí, com suas luzes e cores, será palco de um verdadeiro aquilombamento, termo que hoje define o movimento de...

Inéditos de Joel Rufino dos Santos trazem de volta a sua grandeza criativa

Quando faleceu, em 2015, Joel Rufino dos Santos deixou pelo menos dois romances inéditos, prontos para publicação. Historiador arguto e professor de grandes méritos, com...

Mostra Competitiva Adélia Sampaio recebe inscrições de filmes de mulheres negras até 16 de junho

A 6ª edição da Mostra Competitiva de Cinema Negro Adélia Sampaio está com inscrições abertas para filmes dirigidos por mulheres negras de todo o...
-+=