sábado, novembro 26, 2022

Rede de Mulheres

A Rede de Mulheres Empreendedoras , que é tocada pela Asplande (Assessoria e Planejamento para o Desenvolvimento), instituição que atua em favelas do Rio de Janeiro desde de 19997, acaba de lançar, ainda em fase experimental, o Portal Mulheres na Rede, Criado em parceria com universidades e alimentado de maneira voluntária, o Portal Mulheres na Rede vai possibilitar que mulheres da região Metropolitana do Rio de Janeiro, principalmente, possam acessar o conteúdo que vem fortalecendo os empreendimentos populares tocados por mulheres nas favelas e periferias do Rio de Janeiro.

Por Mônica Francisco Do Jornal do Brasil

O projeto mostra como as iniciativas que se desenvolvem localmente em várias favelas do Rio de janeiro, como Borel, Cantagalo, Babilônia e Chapéu Mangueira, Formiga e Tabajaras/Cabritos e em outras áreas como a Zona Oeste e Baixada, podem tornar-se uma força e potência quando unem esforços com parcerias comprometidas com a possibilidade de uma sociedade melhor e mais justa, mesmo sem financiamentos públicos ou privados.

O empoderamento econômico é só um dos temas que o Portal Mulheres na Rede vai mostrar. Dar visibilidade aos empreendimentos populares, que, se por um lado dão orgulho por serem a demonstração da grande força que está nas favelas e periferias, da força das mulheres que empreendem e mantém a economia local crescendo, fortalecendo suas famílias, agregados e sustentando a sociedade em momentos de grave crise como o que atravessamos, por outro lado, mostram como  políticas públicas cada vez mais efetivas e eficazes nessa área são fundamentais.

Fazer com que ferramentas de gestão dos negócios, com linguagem acessível e de conteúdo consistente, cheguem até mulheres que nas suas casas, igrejas, grupos locais é o principal objetivo do Portal Mulheres na Rede.

Em um país onde 54% de sua população é de mulheres, e que deste contingente, cerca de quase 6 milhões vivem em favelas e periferias, é mais do que oportuna esta possibilidade de qualificar-se e trocar experiências que podem transformar a vida de muitas mulheres e consequentemente de suas famílias e localidades.

O Portal Mulheres na Rede pode ser acessado pelo link: http://mulheresnarede.org.br

Artigos Relacionados
-+=
PortugueseEnglishSpanishGermanFrench