RODRIGO DE MATOS NOGUEIRA

Vítima: RODRIGO DE MATOS NOGUEIRA

Ação de Indenização pó dano Moral e material.

 

Ré: PREFEITURA MUNICIPAL DA CIDADE DE SANTO ANDRÉ

Preâmbulo

A vítima teve sua honra, dignidade e decorro atingidas por ato ilícito cometido ofensora, que utilizou-se de elementos inerentes a raça e cor da vítima com o objetivo de desmoraliza-la em público, expondo-a a situação vexatória.

Síntese dos fatos

O fato que deu origem à ação penal ocorreu em fevereiro de 2004, quando ambos trabalhavam juntos na Prefeitura de Santo André, no setor de mecânica de máquinas pesadas, sendo á vítima subordinado ao réu que o ofendeu após ter solicitado que alguém o ajudasse para realização de um serviço quando o réu passou a ofender sem nenhum motivo aparente proferindo as seguintes palavras:

“Você não faz nada, faz tudo errado, primeiro olha a sua cor e olha a minha, seu macaco….”

A vítima procurou o 2o. Distrito Policial de Santo André, onde lavrou boletim de ocorrência e posteriormente procurou o Geledés, que encaminhou a autoridade policial o pedido de instauração de inquérito, e após o relatório houve a propositura da ação penal privada (queixa crime), que trâmitou perante a 2a. Vara Criminal do Foro regional de Santo André na Capital de São Paulo, sob o n.º: 876/2004.

Houve a audiência de tentativa de conciliação, o que restou infrutífera, seguiu-se o interrogatório e toda a fase de instrução, com oitiva de testemunhas de acusação e da defesa.

Em sentença o juiz da 2a. Vara Criminal, deu por improcedente a ação absolvendo o réu, em razão da pratica do delito previsto no artigo 140 § 3o. do CP, com fulcro no artigo 386, VII do CPP. A sentença transitou em julgado.

A vítima através do SOS ingressou com ação de indenização pelo dano moral suportado, este tramita perante a 4ª Vara Cível do Foro Regional de Santo André, na cidade de São Paulo, processo n.º 519/2006. Após a instrução processual em sentença o juízo deu improcedente o pedido do autor.

O SOS Racismo dentro do prazo legal ofereceu recurso e agora o Sos aguarda que seja distribuída a apelação no Tribunal de Justiça de São Paulo que de provimento total a ação, revertendo a sentença proferida pelo juízo de 1a. instância. Tal recurso foi interposto em abril de 2008.

+ sobre o tema

Plataforma pela Reforma do Sistema Político

Organizações e movimentos que integram a Plataforma dos...

Relatos de abusos de direitos humanos na Costa do Marfim preocupam ONU

Enquanto os confrontos se intensificam na Costa do...

Em uma semana, concurso unificado registrou um milhão de inscritos

Em pouco mais de uma semana, o Concurso Público...

para lembrar

Mulheres têm de omitir o gênero para que seus trabalhos sejam aceitos

Pesquisa mostra que programadoras têm projetos rejeitados apenas por...

Mulheres com doenças como ansiedade e depressão têm mais chance de desenvolver câncer de colo de útero

Quando a enfermeira Juliana Martinovski viu, no Sistema de...

Plataforma traz jornalismo de dados sobre gênero com foco em direitos humanos

Uma plataforma de jornalismo especializada em analisar e divulgar...
spot_imgspot_img

Registros de ansiedade entre crianças e jovens superam os de adultos pela 1ª vez no Brasil

Pela primeira vez na história, os registros de ansiedade entre crianças e jovens superam os de adultos, mostra análise da Folha a partir da Rede de Atenção Psicossocial...

Levantamento aponta crescimento da população de rua em São Paulo

Levantamento do Observatório Brasileiro de Políticas Públicas com a População em Situação de Rua revela aumento do número de pessoas vivendo nestas condições na...

Proposta de Geledés para empoderamento da mulher negra é retomada na ONU

Geledés - Instituto da Mulher Negra, em fala conjunta com as organizações Coalizão Negra por Direitos, Criola e Coletivo Danêji, conseguiu obter bons resultados...
-+=