Simpósio Afro Alagoano

No dia de 21 de setembro, às 8h30, no auditório da Ordem dos Advogados do Brasil, seccional Alagoas, localizada no centro de Maceió, terá o Simpósio Afro Alagoano para discutir os altos índices da violência e mortalidade da juventude negra no Brasil, principalmente, no Estado de Alagoas.

Na programação, serão discutidos o Estatuto da Igualdade Racial, o Conselho Estadual da Igualdade Racial e o Plano Nacional de Enfrentamento à violência contra a juventude negra que será oficialmente lançado em novembro, mas, o projeto piloto será implantado em Alagoas no dia 27 desse mês, local e horário ainda a serem definidos.

Atualmente, de acordo com o Mapa da Violência no Brasil, o perfil das vítimas assassinadas são homens, negros e jovens (15 a 29 anos), com uma média de 4 a 7 anos de estudo, e o Estado de Alagoas é onde mais se morre. Dos 135 municípios mais violentos no país, quatro são alagoanos: Maceió, Arapiraca, Marechal Deodoro e União dos Palmares. E segundo Mônica Oliveira, Secretária de Políticas de Ações Afirmativas da Seppir, “os assassinatos dos jovens negros estão fazendo um verdadeiro ‘buraco’ nos dados da Densidade Demográfica do país”.

O Plano terá quatro eixos: Desconstrução da cultura da violência; Inclusão e Garanta de Direitos; Transformação de Territórios; e Aperfeiçoamento das instituições – prever ações diversas como: campanha de sensibilização; formação de jovens agentes da paz; ampliações no programa Escola Aberta; promoção de usinas culturais; formação de servidores públicos e agentes de segurança; enfrentamento do racismo em instituições; dentre outros.

É chegado o momento de ampliarmos a discussão e, principalmente, garantir a efetivação de políticas públicas, e os segmentos afros precisam se envolver mais nesse processo. Precisamos dar um basta em tanta violência! Axé!

 

 

Fonte: Cojira

+ sobre o tema

Por que a imprensa ajuda a matar

Em apenas quatro dias, três assassinatos foram cometidos...

Alô, Brasil, pode segurar porque o racismo é filho seu!

Após mais de três séculos explorando a maior quantidade...

Unboxing Sincero #1 Racismo

Siga a Carol nas redes: Instagram Facebook

para lembrar

Utopia para meninos negros

São Gonçalo (RJ), João Pedro Matos Pinto, 14. João...

A cada 23 minutos, um jovem negro é assassinado no Brasil

Depois que você terminar de ler este texto e...

Relatora de CPI reconhece genocídio contra jovens negros

A CPI da Violência contra Jovens Negros e Pobres,...

E Perdemos de Goleada Para o Uruguai

  POR MAURÍCIO PESTANA Imagine a seleção brasileira,...
spot_imgspot_img

Futuro da gestão escolar

A educação pública precisa de muitos parceiros para funcionar. É dever do Estado e da família, com colaboração da sociedade, promover a educação de todas as...

Educação para além dos muros da escola

Você pode fornecer escolas de qualidade para os mais pobres e, mesmo assim, talvez não veja a mudança na realidade do país que se...

Criança não é mãe

Não há como escrever isto de forma branda: nesta quarta-feira (12), a Câmara dos Deputados considerou urgente discutir se a lei deve obrigar crianças vítimas de estupro à...
-+=