SP será sede do Encontro Internacional da Marcha Mundial de Mulheres

Evento acontece pela primeira vez no Brasil, e tem como tema “Feminismo em marcha para mudar o mundo”. Encontro conta com a participação de feministas como Helena Hirata, da França, e Nalu Faria, do Brasil.

Com uma programação que conta com debates, oficinas, e atividades culturais, o Encontro Internacional da Marcha Mundial das Mulheres acontece em São Paulo do dia 25 a 31 de agosto. O evento é sediado pela primeira vez no Brasil, e tem como tema “Feminismo em marcha para mudar o mundo”.

Para a semana de atividades são esperadas 1,6 mil mulheres. Durante o encontro serão debatidos assuntos como o combate ao machismo, ao racismo e à lesbofobia, além da autonomia sobre o corpo e auto-organização das mulheres.

No encontro também estão previstas atividades de intercâmbio e formação política cultural, com a participação de feministas de vários países: Guatemala, Afeganistão, Austrália, Tunísia, Estados Unidos, entre outros. Entre elas estão Nalu Faria, do Brasil, e Helena Hirata, da França.

Na Galeria Olido, que fica no centro da capital paulista, terá uma exposição fotográfica que pretende resgatar a história da Marcha Mundial das Mulheres. No último dia do encontro – 31 de agosto – as mulheres realizarão também um grande ato na cidade.

As interessadas em participar do encontro já podem se inscrever. Para isso, devem procurar os comitês organizados da Marcha Mundial das Mulheres em cada estado ou entrar em contato através do e-mail [email protected].

Fonte: Radioagência NP

+ sobre o tema

‘Diferente do que dizem, aborto não foi descriminalizado’, diz autora de ações no Supremo

Às vésperas da discussão sobre a descriminalização ou não...

Um mundo limitado por cores

A publicidade e os estereótipos ainda prevalecem 
na divisão...

Continuamos fazendo gênero

O Blog da Igualdade está fazendo aniversário e agradece...

para lembrar

SEPPIR e ONU Mulheres se unem na articulação de projetos para os grandes eventos esportivos

Propostas foram discutidas hoje (10/06) em audiência da representante...

À beira do retrocesso

Os direitos humanos trazem a marca de seu...
spot_imgspot_img

O que levou mulheres a desistirem da maquiagem de todo dia

Depois de dois anos sem usar maquiagem, a enfermeira Nicole Neves decidiu contratar uma maquiadora profissional para a sua festa de aniversário de 30 anos...

O direito das mulheres à literatura

A literatura, para Antonio Candido, é direito inalienável do sujeito, indispensável à humanização. Espaço de desacato, para a escritora argentina María Teresa Andruetto, ela nos questiona,...

Câmara aprova criminalização de nudes de mulheres gerados por IA

A Câmara dos Deputados aprovou, nesta quinta-feira (7), projeto de lei que criminaliza gerar, com inteligência artificial, imagens de mulheres em situações de intimidade ou...
-+=