quinta-feira, setembro 17, 2020

    Tag: COVID-19

    Foto: dowell/Getty Image

    Brasil tem ao menos 23 mil testes de coronavírus à espera do resultado; número é mais que o triplo de casos confirmados

    G1 questionou estados e Distrito Federal sobre análises pendentes, e 12 responderam. Ministério da Saúde orienta que só pacientes suspeitos com quadro grave sejam testados; falta de distribuição maciça de kits dificulta cálculo de como a Covid-19 se espalha no país. Por Eduardo Pierre, no G1 Foto: dowell/Getty Image O Brasil tem ao menos 23,6 mil testes do novo coronavírus (Sars-CoV-2) ainda à espera do resultado. Esse número equivale a 3,4 vezes o total de casos confirmados (6,9 mil) no balanço das Secretarias de Saúde, atualizado às 7h40 desta quinta-feira (2). Para especialistas ouvidos pelo G1, tal discrepância indica que pode haver muito mais gente com a doença Covid-19 no país. Essa subnotificação de registros tem duas causas: a falta de testagem maciça no Brasil; e a demora para finalizar as análises já iniciadas mas não concluídas. Pesquisadores explicam que esse cenário – quantidade de kits ...

    Leia mais
    Foto- JEWEL SAMAD : AFP

    Ellis Marsalis Jr., pianista e lenda do jazz, morre aos 85 anos vítima do coronavírus

    Americano é patriarca de família de músicos, entre eles o trompetista Wynton Marsalis Do O Globo Foto- JEWEL SAMAD : AFP Morreu nesta quarta-feira o pianista e lenda do jazz Ellis Marsalis Jr., aos 85 anos, por complicações do novo coronavírus. Além de ter atingido sucesso na carreira de músico e respeito como educador, Ellis era o patriarca de uma família de expoentes do jazz da cidade de Nova Orleaans — mais notadamente o trompetista Wynton Marsalis e o saxofonista Branford Marsalis, que ganharam fama nacional no início dos anos 1980, ao liderarem um movimento de renascimento do jazz tradicional. A morte causada pela Covid-19 foi confirmada por Branford ao "New York Times". "Meu pai era um músico e professor gigante, mas um pai ainda maior. Ele derramou tudo o que tinha para nos tornar o melhor do que poderíamos ser'”, disse o saxofonista através de ...

    Leia mais
    blank

    Faço faxina, se eu trabalhar, como! Se eu não trabalhar, não como!

    A pandemia do coronavírus escancara as desigualdades existentes no Brasil, que infelizmente muitos insistem em não enxergar Por Luana Tolentino, da Carta Capital Luana Tolentino (Foto: Vera Godoy / Cartola) Mesmo depois de abolida a escravidão/ Negra é a mão/De quem faz a limpeza/Lavando a roupa encardida, esfregando o chão/Negra é a mão (Gilberto Gil) Chamar as mães quando os alunos cometem algum ato de indisciplina é uma prática recorrente entre nós, professores. Fiz questão de escrever mães no lugar de pais, pois elas são sempre culpabilizadas quando algo vai mal com os estudantes. É como se os homens também não fossem responsáveis pelas crianças e pelos adolescentes, evidenciando quão machista é a nossa sociedade. Há alguns anos, o Francisco*, na época matriculado no 9° ano, me tirou a paz. Além de não fazer as atividades, tumultuava a sala. Sempre que o repreendia, ele respondia de ...

    Leia mais
    blank

    Presos que tiveram liberdade condicionada a fiança devem ser soltos em todo o país

    ​​​​O ministro Sebastião Reis Júnior, do Superior Tribunal de Justiça (STJ), estendeu para todo o país os efeitos da liminar que determina a soltura de presos cuja liberdade provisória tenha sido condicionada ao pagamento de fiança e que ainda estejam na prisão. A liminar foi inicialmente concedida na última sexta-feira (27) para detentos do Espírito Santo. No STJ Foto: Diêgo Holanda/G1 A medida é motivada pela pandemia do novo coronavírus (Covid-19). De acordo com o ministro, o quadro de precariedade do sistema carcerário no Espírito Santo é semelhante em todo o país e apresenta riscos graves de disseminação da doença no interior dos presídios. Após a concessão da liminar para os presos do Espírito Santo, Defensorias Públicas de diversos estados – incluindo São Paulo, que atualmente concentra o maior número de casos de Covid-19 – apresentaram ao STJ pedidos de extensão dos efeitos da decisão. A ...

    Leia mais
    Adilson Zavarize

    MPF recomenda à União que não remova comunidades quilombolas de Alcântara (MA)

    Medida precisa ser debatida com as comunidades afetadas de forma transparente e participativa, o que fica prejudicado diante dos impactos da pandemia da covid-19, defende MPF No Ministério Público Federal Quilombo em Alcântara  (Foto: Adilson Zavarize) A Câmara de Populações Indígenas e Comunidades Tradicionais do Ministério Público Federal (6CCR/MPF) recomendou à União, nesta quarta-feira (1), que se abstenha da decisão de remover famílias quilombolas do território de Alcântara, no Maranhão, sobretudo neste momento de pandemia da covid-19. O deslocamento dos quilombolas se deve ao projeto de expansão do Centro de Lançamento Espacial de Alcântara (CLA). O pedido do MPF faz referência à recente reunião do Comitê de Desenvolvimento do Programa Espacial Brasileiro (CDPEB) que definiu, por meio da Resolução nº 11/2020, a execução das mudanças das famílias, a partir do local onde hoje residem até a área de suas novas habitações. A recomendação será encaminhada ao ...

    Leia mais
    Bill Gates criticou políticas que tentem aliviar isolamento por causa da economia Imagem: Reuters

    “Não podemos ignorar a pilha de corpos”, diz Bill Gates sobre quarentena

    Em 2015, Bill Gates passou uma mensagem assustadora sobre o risco de uma grande pandemia para qual o mundo não estaria preparado. Seis anos depois, com a chegada do novo coronavírus em dezenas de países, ficou claro que ninguém levou a sério. Por Fernanda Ezabella, do Tilt Bill Gates criticou políticas que tentem aliviar isolamento por causa da economiaImagem: Reuters Mas para Gates, que deixou o conselho da Microsoft neste mês para focar em filantropia, a crise atual não é o pior dos cenários que ele previu em 2015 e pode ser contida com duas ações: testes em grande volume e isolamento radical. "O que precisamos agora é de um desligamento extremo para daqui a seis a dez semanas, se as coisas forem bem, então começar a voltar ao normal", disse Gates na terça-feira, num evento online organizado pelo TED. É muito difícil fazer isso, é ...

    Leia mais
    Divulgação/Tide Setubal

    Fundação Tide Setubal fomenta pesquisa com foco no coronavírus

    Desigualdades socioeconômicas e territoriais devem pautar trabalhos científicos em novo edital de apoio a pesquisadores da Universidade Federal de São Paulo Na Fundação Tide Setubal Divulgação/Tide Setubal Devido à gravidade da pandemia mundial, a Fundação Tide Setubal está fomentando pesquisas focadas na Covid-19 no contexto das desigualdades, via edital “Pandemia Covid-19: panorama da desigualdade na RMSP”, realizado em parceria com a Unifesp (Universidade Federal de São Paulo), com inscrições abertas desde 23 de março. A chamada de pesquisa priorizou as periferias porque os desafios do cenário atual se tornam ainda mais agudos quando enfrentados em meio à situação de vulnerabilidade e fragilidade de acesso à saúde, saneamento, educação, moradia e emprego, condições típicas da periferia metropolitana de São Paulo. O edital convida a comunidade acadêmica da Unifesp a apresentar, até o próximo dia 2 de abril, propostas de monitoramento, análise e recomendações relativas à Covid-19. “Redirecionamos ...

    Leia mais
    Trabalhadores na construção do hospital de campanha no Anhembi, em São Paulo, na semana passada.NELSON ALMEIDA / AFP

    Mortes sem diagnóstico reforçam suspeitas de que estatísticas de coronavírus em São Paulo estão defasadas

    Após resolução do dia 20, Serviço de Verificação de Óbitos deixou de fazer autópsia em casos suspeitos da Covid-19 e corpos são enterrados como se fossem confirmados, mas não entram no balanço oficial Por MARINA ROSSI, do EL País Trabalhadores na construção do hospital de campanha no Anhembi, em São Paulo, na semana passada.NELSON ALMEIDA / AFP “Tia, olha a chuva, tira a roupa do varal”. O alerta de uma das sobrinhas de Olga, 77, que vivia na casa vizinha não chegou a tempo. A chuva que atingiu São Paulo na semana passada molhou todas as roupas da aposentada que, naquele momento, já estava desacordada no sofá. Foi a mesma sobrinha que, minutos mais tarde, sem ouvir sinal da tia, a encontrou quase já sem vida na sala. A aposentada faleceu depois de dias se queixando de tosse, falta de ar e coriza. Foram três idas ...

    Leia mais
    Leo Caldas/Folhapress

    Projetos de lei pedem proteção a indígenas e quilombolas em meio à crise do coronavírus

    Frente parlamentar quer distribuição de álcool em gel e cestas básicas para indígenas Por Mônica Bergamo, da Folha de São Paulo Leo Caldas/Folhapress A Frente Parlamentar Mista em Defesa dos Direitos dos Povos Indígenas protocolou um projeto de lei para o enfrentamento do coronavírus em territórios indígenas. PROTEÇÃO Ele prevê a distribuição gratuita de produtos como álcool em gel e cestas básicas, acesso a testes rápidos e criação de protocolos para atendimento especializado. FORA E a bancada do PSOL na Câmara encaminhou um projeto que suspende resolução do Gabinete de Segurança Institucional para remoção de comunidades quilombolas do município de Alcântara (MA). A medida visa a ampliação do Centro de Lançamentos da base espacial instalada na região.     Leia Também: Coronavírus pode dizimar povos indígenas, diz pesquisadora    

    Leia mais
    Foto: dowell/Getty Image

    População negra e Covid-19: desigualdades sociais e raciais ainda mais expostas

    As doenças não são entidades democráticas. Pelo contrário, elas têm incidências determinadas pela renda, pela idade, pelo gênero e pela raça. Diante da pandemia provocada pelo coronavírus (SARS2- CoV2), diversos segmentos da sociedade estão mais expostos e são identificados como grupos de risco, por conta de comorbidades específicas. A população negra, em sua diversidade, também é um dos grupos de risco, obviamente com gradações internas, variando tanto por comorbidades que atingem negras e negros em maior número, caso da hipertensão e da diabetes e, principalmente, a anemia falciforme, ou mesmo pela letalidade social, motivada por questões históricas, políticas e sociais estruturantes de nossa sociedade. A Abrasco ouviu pesquisadores e lideranças sociais para entender esse cenário e ser um canal dessas demandas. Por Pedro Martins, do Abrasco Foto: dowell/Getty Images Altair Lira, professor do Instituto de Humanidades, Artes e Ciências da UFBA (IHAC/UFBA) e integrante do Grupo ...

    Leia mais
    Fábio Rodrigues Pozzebom/ABr

    Governo e CNJ permitem sepultamento sem certidão de óbito durante pandemia

    Enquanto o presidente Jair Bolsonaro insiste em minimizar as consequências da pandemia de covid-19 para a saúde pública, o Conselho Nacional de Justiça e o Ministério da Saúde publicaram uma portaria conjunta que estabelece procedimentos excepcionais para sepultamento e cremação de corpos durante a situação de pandemia do novo coronavírus. O Congresso em Foco obteve acesso à minuta do texto, que autoriza hospitais a encaminharem cadáveres a cemitérios sem a necessidade de emissão da certidão de óbito. A autorização será concedida na hipótese de ausência de familiares ou pessoas conhecidas do falecido, ou em razão de exigência de saúde pública. No Congresso em Foco Foto: Fábio Rodrigues Pozzebom/ABr A certidão de óbito é um documento expedido pelo cartório de registro civil a partir do atestado de óbito emitido por um médico. Até então, a certidão é documento indispensável para que um cadáver possa ser enterrado ou ...

    Leia mais
    (Baz Ratner/Reuters)

    Coronavírus acelera o êxodo urbano na África

    Muitos temem a fome caso não abandonem as cidades Por AGENCE FRANCE PRESSE, do O Tempo (Baz Ratner/Reuters) Há alguns dias, centenas de pessoas caminham, em fila indiana, pela avenida nacional 7 para fugir da capital de Madagascar, Antananarivo, confinada devido ao coronavírus, um êxodo que surpreende inclusive a polícia neste país africano. Um deles é Richard Rakotoarisoa, que caminhava ao lado de muitas pessoas na RN7 com destino ao sul. "Paramos de trabalhar para respeitar a disciplina do confinamento, apesar da necessidade de alimentar nossos filhos", explica o pai de família de 30 anos. Ele partiu durante a madrugada com os dois filhos e uma bicicleta, além de alguns pertences, rumo à cidade de Antsirabe, a mais de 150 quilômetros de distância, onde estão sua mulher e o restante da família. "Não sabemos quando chegaremos, mas nos preparamos para passar noites na estrada e dormir ...

    Leia mais
    Marcos Santos/USP

    Mulheres em isolamento: quando a própria casa é o espaço inseguro

    A Justiça do RJ já registrou um aumento de 50% de casos de violência doméstica, e a comunicação é fundamental para proteger as mulheres Por Mônica Mourão, da Carta Capital  Marcos Santos/USP Fiquem em casa. A campanha pelo isolamento social devido à pandemia do novo coronavírus está na TV, na internet e é compartilhada por artistas e anônimos. O Instagram criou um selo em que o desenho de uma casa se mistura com o de um coração, e assim é possível assistir aos “stories” de quem está resguardado. Porém, o que muitas vezes escapa aos que têm o direito à moradia digna é que o ambiente doméstico não é um espaço de amor para todo mundo. Sequer um espaço seguro. Campanhas informativas, aplicativos para celular e documentos cobrando do Estado medidas protetivas às mulheres são algumas das iniciativas que ganham força neste contexto para combater e ...

    Leia mais
    (Foto: Reprodução/ Twitter)

    Diário do isolamento social, LAURIÑA

    “quando morre um africano idoso, é como se queimasse uma biblioteca”.  Hampâté Bâ Por Lelê Teles enviado para o Portal Geledés Reprodução/ Twitter pelo noticiário, a pequena lauriña soube que, em alguns países europeus, por conta do novo coronavírus, estavam a oferecer a cabeça dos idosos à senhora da foice vestida de negro, porque isso faria com que sobrassem leitos nos hospitais para cuidar dos mais jovens. isso a intrigou bastante, e ela se lembra dos debates que ocorriam em sua casa contra essa absurda decisão; para a família de lauriña, não se tratava de uma escolha de sofia, mas de uma opção. lauriña vive em uma sociedade em que tudo tem que ser trocado antes que “envelheça”. em que as mulheres se olham no espelho aterrorizadas com os aparecimentos dos primeiros fios brancos; estes serão arrancados à unha. quando passam a abundar, são retocados com tinta ...

    Leia mais
    David Corio/Redferns/Getty Images

    Manu Dibango:“Meu domínio é a música e minha política é estar engajado musicalmente

    Rendemos uma singela homenagem ao símbolo incontornável da música africana com a publicação de uma entrevista concedida em Abril de 2008, ocasião em que foi convidado pela revista “Africa Today”, em Luanda, para três concertos memoráveis. Por Jomo Fortunato, do Jornal Angola  Manu Dibango (Foto: David Corio/Redferns/Getty Images) Sob a luz do luar que brilha de esperança, rompe o lirismo da sonoridade do saxofone, quebrando o silêncio da noite africana. A África dos ritmos velozes, na cadência das danças infinitas, a África das múltiplas cores, a África da tolerância, a África, berço de todas as artes. Plural, plástico e soba da africanidade musical é assim, Manu Dibango. É o nosso, Marabú, que leva num voo poético, a profundidade da África à compreensão e entendimento da cultura universal para as salas do mundo, onde fez ecoar a pulsação rítmica do batuque africano. Globalizado, irreverente e permeável, a ...

    Leia mais
    Crianças usam álcool em gel em uma igreja evangélica em Ouagadougou, Burkina Faso Foto: FINBARR O'REILLY / Finbarr O'Reilly/The New York Times

    Experiência com epidemias vem ajudando a conter disseminação do coronavírus na África

    Medidas restritivas foram tomadas de maneira preventiva; analistas, no entanto, temem que propagação possa ser rápida em países mais pobres Por Marina Gonçalves, do O Globo Crianças usam álcool em gel em uma igreja evangélica em Ouagadougou, Burkina Faso Foto: FINBARR O'REILLY / Finbarr O'Reilly/The New York Times Quando países europeus, como a Itália ou a Espanha, ainda tomavam medidas leves em relação aos primeiros casos de coronavírus na China, as nações africanas entraram em alerta. As cicatrizes da proliferação do ebola no continente, que entre os anos 2014 e 2016 deixou mais de 11 mil mortos e cerca de 28 mil infectados, ainda estavam abertas. Mas é justamente a experiência em assistência básica que diversos países adquiriram no combate à epidemia uma das explicações para a até agora lenta propagação do coronavírus na região, somada à expectativa de vida mais baixa em média no continente ...

    Leia mais
    blank

    A autonomia e a resistência das favelas do RJ pra driblar o coronavírus

    Desamparadas pelo poder público, as comunidades enfrentam o abuso de poder de milicianos e facções, além da falta de água e do desemprego. Por Débora Lopes, Da Vice (Foto: José Raphael Berrêdo / G1) O padeiro não faz home office. A empregada doméstica não é dispensada pela patroa. Nem a babá. O camelô não pode parar de ir pra rua e o comércio dentro do morro também não pode fechar porque a milícia não deixa. A quarentena pode não chegar até a favela, mas o novo coronavírus já chegou. Segundo a Secretaria de Saúde do Rio de Janeiro, havia 61 casos suspeitos de Covid-19 nas comunidades até a última segunda (23). Para sobreviver, os moradores precisam driblar muita coisa: a pandemia, a falta de água, de dinheiro, as milícias, as facções e o descaso das autoridades. "As favelas são esquecidas pelo poder público. Quem cuida das ...

    Leia mais
    blank

    Domésticas defendem direito à quarentena remunerada e dividem patrões

    Todos os dias Margarida*, 39, paga R$ 6,50 pela corrida com um motorista de aplicativo para percorrer o trajeto entre a sua casa e a da patroa. Por Aurélio Nunes, Do UOL A doméstica Rosângela Conceição dos Santos e a secretária geral da Fenatrad, Cruza Maria Oliveira (Foto: Aurélio Nunes/UOL) Antes de abrir a porta do apartamento em Brotas, seu local de trabalho, na região central de Salvador (BA), esfrega as mãos com um pouco do álcool gel especialmente deixado para ela no hall e parte em direção ao sanitário para colocar o uniforme. Só então começa a rotina, que demanda cuidados com a casa e de sua mais velha moradora, uma senhora de 83 anos de idade. Na volta ao lar, outro ritual se repete: ela entra pela área de serviço, deixa as roupas na máquina de lavar, segue nua até o sanitário e somente ...

    Leia mais
    blank

    No ‘Casa Grande e Senzala’ da pandemia, governo pede sacrifício aos já vulneráveis

    Maioria das imagens da campanha #OBrasilNãoPodeParar retrata pessoas negras e pobres Por Fernanda Mena, Da Folha de São Paulo Mantendo espaço entre si, líderes de ruas da favela Paraisópolis se reúnem no campo de futebol da favela para receber doação de sabão em barra e álcool em gel que serão repassados para os moradores (Foto: Folhapress/Eduardo Knapp) O vídeo do governo que lançou a campanha #OBrasilNãoPodeParar, feita sem licitação e a um custo de quase R$ 5 milhões, é a tradução da estrutura social classista e racista de que o Brasil não conseguiu se livrar desde a escravidão. Das 23 imagens escolhidas para amparar a ideia de que é preciso voltar ao trabalho, 19 retratam pessoas negras (54% se autodeclaram pretos ou pardos no Brasil) e 18 envolvem situações ligadas à pobreza, à informalidade ou à baixa remuneração (25% dos brasileiros vivem em situação de pobreza). ...

    Leia mais
    Leonardo Sakamoto. (Foto: RFI/Rui Martins)

    PGR recebe denúncia contra Bolsonaro por campanha “O Brasil não pode parar”

    O presidente Jair Bolsonaro cometeu crime de infração de medida sanitária, incitando que brasileiros desconsiderassem e descumprissem as medidas impostas para combater o coronavírus. Tanto através de seu pronunciamento à nação, na última terça (24), como no vídeo institucional e na promoção do slogan "O Brasil não pode parar", a partir de quinta (26). Por Leonardo Sakamoto, Do UOL Leonardo Sakamoto. (Foto: RFI/Rui Martins) A avaliação é da Coalização Negra por Direitos e do Coletivo de Advocacia em Direitos Humanos que protocolaram uma notícia-crime contra Bolsonaro junto ao procurador-geral da República, Augusto Aras. A primeira parte da denúncia, sobre o pronunciamento, foi realizada na quinta e a segunda, a respeito da campanha que pede para pessoas deixem o isolamento social, nesta sexta. As organizações defendem que o presidente, repetidamente, vem cometendo o crime previsto no artigo 268 do Código Penal (Infringir determinação do poder público, destinada ...

    Leia mais
    Página 15 de 17 1 14 15 16 17

    Últimas Postagens

    Artigos mais vistos (7dias)

    Twitter

    Welcome Back!

    Login to your account below

    Create New Account!

    Fill the forms bellow to register

    Retrieve your password

    Please enter your username or email address to reset your password.

    Add New Playlist