“Um bilhão que se ergue” – Protesto global para acabar com a violência contra mulheres e meninas

O “Um bilhão que se ergue” (One billion rising) é um protesto global para acabar com a violência contra mulheres e meninas. Terá sua 1a edição em São Paulo, Sábado, dia 16 de Fevereiro de 2013 no Museu de Arte de São Paulo (MASP) das 14:00 às 18:00hrs. A data oficial costuma ser o dia 14, mas foi mudada em Sampa devido a atividades realizadas durante a semana (trabalho, escola, etc), que impossibilitavam alguns de comparecer no evento.

Indicação de Reinaldo Bulgarelli

Evento em SP no Facebook:
https://www.facebook.com/events/327408447363797

Vídeo oficial (em inglês) da campanha:
http://www.youtube.com/watch?v=gl2AO-7Vlzk

Site oficial (em inglês):
http://www.onebillionrising.org/

Nosso blog:
http://umbilhaoqueseergue.blogspot.com.br/

O evento em Curitiba:
http://www.facebook.com/events/470467949650273/?ref=ts&fref=ts

O evento em Recife:
http://www.facebook.com/events/301083603326894/

 

+ sobre o tema

O retorno do goleiro Bruno, entre a ressocialização e o cinismo

Atleta condenado pelo assassinato de Eliza Samudio é novamente...

Conectas cobra apuração rígida de mortes provocadas por ação da PM

Operação em Paraisópolis evidencia descaso da segurança pública com...

Pandemia amplia canais para denunciar violência doméstica e buscar ajuda

Entre as consequências mais graves do isolamento social, medida...

para lembrar

spot_imgspot_img

Pornografia infantil não é ficção

Hélio Schwartsman ("Ficção ou realidade?", 7/2) defendeu neste espaço a seguinte "solução" para "transformar a pornografia infantil em crime sem vítima": inteligência artificial (IA). A coluna reage a um...

Exploração sexual infantil na internet bate recorde em 2023

As denúncias da presença de imagens de abuso e exploração sexual infantil na internet bateram recorde em 2023 – resultado é o maior da...

‘Não’ é ‘Não’, inclusive na igreja

No dia 29 de dezembro, o presidente Lula sancionou a lei do protocolo "Não é Não" (lei 14.786/2023), que combate violência e assédio sexual contra mulheres...
-+=